Publicado emCrónicas

“Cá por causas – A insaciável manipulação da seca”, Paulo Constantino

A seca desperta os piores sentimentos para com a água, denunciando uma sede insaciável! “Prendam-na! Aprisionem o mais que puderem! Não a deixem correr para o mar! Muito menos evaporar!” “Cortem-lhe a cabeça!” diria a rainha de espadas. E os peixes? Os animais, a floresta e as plantas? Num repente, as máximas irrefutáveis ecoam estridentes […]