Baloiço panorâmico junto ao Tejo, em Tramagal. Foto: Décio Dias

Entre idas e vindas, esticar e dobrar as pernas, sobre um rio ou um vale, com vista para um castelo ou um convento, o mediotejo.net dá-lhe a conhecer 12 baloiços panorâmicos que vale a pena conhecer na região. E fica o conselho: para uma experiência ainda mais especial, visite estes locais ao nascer ou ao pôr do sol. 

1. Baloiço panorâmico do Monte da Várzea (Abrantes)

Baloiço panorâmico do Monte da Várzea, em Alvega. Foto: mediotejo.net

Embora instalado com o objetivo de entreter os hóspedes do alojamento rural do Monte da Várzea, a propriedade privada está aberta a toda a gente que queira por ali caminhar e conhecer os campos de Alvega, pelo que pode ir até este local, nesta antiga freguesia de Abrantes, para baloiçar no simpático baloiço ao mesmo tempo que desfruta de uma vista espetacular do vale do Tejo e dos campos agrícolas. 

2. Baloiço Panorâmico do Pinéu (Chamusca)

Foto: JF Ulme

Estreado este ano, o Baloiço Panorâmico do Pinéu, localizado na freguesia de Ulme, é o resultado de uma instalação artística no âmbito do Pin’Arte – programa de artes urbanas em contexto rural da freguesia de Ulme. O baloiço do Pinéu (designação atribuída aos naturais de Ulme) permite aos visitantes uma vista panorâmica sobre os vales verdejantes dos arrozais – imagem de marca do vale de Ulme – sendo possível acompanhar, ao longo do ano, o ciclo do arroz e as suas diversas fases de produção.

Do alto deste baloiço que resulta de um conjunto de vontades, da Junta de Freguesia de Ulme, do proprietário do terreno, do Município da Chamusca, da empresa Leais & Oliveira, e de vários voluntários, ainda se avista a planície, o Tejo e a Serra de Aire e Candeeiros.
Coordenadas: 39.310086, -8.446292

3. Baloiço Panorâmico do Gavião

Foto retirada do site: A Baloiçar em abaloicar.com

Também o Gavião se rendeu à tendência dos baloiços panorâmicos. É no caminho para a praia fluvial do Alamal que se pode encontrar a estrutura que oferece a quem nela baloiçar uma vista sobre o rio Tejo, a linha ferroviária da Beira Baixa, e sobre a freguesia gavionense de Belver, encimada pelo emblemático castelo erigido nos penhascos.
Coordenadas: 39.487778, -7.963680.

4. Baloiço Panorâmico de Avecasta (Ferreira do Zêzere)

Foto: António Freitas

Feito em madeira, este baloiço panorâmico foi construído bem recentemente na base de um antigo moinho de vento, e pode ser encontrado na aldeia de Avecasta, concelho de Ferreira do Zêzere, localidade também conhecida pela sua gruta milenar.

A partir deste baloiço, obra da União de Freguesias de Areias/Pias, avista-se uma grande área de paisagem, protegida pela rede Natura 2000.
Coordenadas: 39.745655, -8.404843

5. Baloiço Panorâmico da Serra do Bando dos Santos (Mação)

Foto: Joaquim Diogo

Inserido no percurso da Rota do Brejo e Bando dos Santos, este baloiço é dos mais requisitados na hora de tirar fotografias. Este Baloiço Panorâmico localizado em Mação, num dos sítios mais altos do distrito de Santarém, proporciona uma vista de excelência sobre toda a área a sul da serra de Bando dos Santos, onde são visíveis as Aldeias dos Santos, do Pereiro e a Vila de Mação, além de, mais longinquamente, a lezíria do Tejo e a cidade de Abrantes.

É também a moldura instalada no espaço, que forma um quadro visual, que faz com que este sítio seja uma sensação no que aos cliques e às redes sociais diz respeito.
Coordenadas: 39.610067, -7.971417

6. Baloiço do Talegre (Ourém)

Foto: Luís Ribeiro

Um dos mais famosos baloiços da região – uma vez que rapidamente se tornou um fenómeno das redes sociais – é o do Talegre (nome dado pela população a um marco geodésico na serra do Alburitel).

Este baloiço panorâmico, que foi instalado a 16 de maio 2020 fruto de uma proposta em tempos de pandemia de um grupo de jovens da freguesia de Alburitel, confere uma vista desimpedida sobre uma deslumbrante paisagem serrana. Para a sua estrutura foram aproveitados os recursos naturais da serra, nomeadamente alguns eucaliptos.

O espaço onde está instalado o baloiço conta também atualmente com um parque de merendas para que os visitantes possam fazer um piquenique.
Coordenadas: 39.634417, -8.514278

7. Baloiço dos Moinhos (Sardoal)

Foto: Facebook Baloiço dos Moinhos

Junto aos moinhos no alto da aldeia de Entrevinhas, concelho de Sardoal, encontra-se o baloiço que adquiriu o nome dos fiéis companheiros que se encontram erguidos junto a si, faça chuva ou faça sol – os moinhos. Tendo a ideia da sua criação surgido com base numa notícia sobre o Baloiço do Talegre, o baloiço panorâmico de 6,50 metros de altura por 3,20 de largura foi instalado na zona de lazer dos Moinhos de Entrevinhas proporcionando a quem o visita uma vista sobre o Vale do Armo.

Os Moinhos de Entrevinhas, que guardam a aldeia do seu ponto mais alto e que pertencem ao conjunto de quatro moinhos construídos nos finais do século XIX, conferem igualmente outra beleza ao local assim como um tanque de água.
Coordenadas: 39.546337996700096, -8.12950965996346

8. Baloiço da Mata Nacional dos Sete Montes (Tomar)

Foto retirada do site: A Baloiçar, em abaloicar.com

Este baloiço, junto à Cadeira d’El Rei, em Tomar, nascido este ano fruto de iniciativa do município nabantino, pretende dar a conhecer uma vista pouco conhecida.

Lá do cimo, enquanto baloiça, pode assim admirar a Mata Nacional dos Sete Montes, o Convento de Cristo em fundo, e parte da cidade templária.
Coordenadas: 39.60190792905459, -8.42674709745503

9. Baloiço Panorâmico do Tejo (Tramagal)

Baloiço panorâmico junto ao Tejo, em Tramagal. Foto: Décio Dias

Colocado num local privilegiado com vista para o rio Tejo, a vila de Tramagal tem desde setembro de 2021 um baloiço panorâmico que tem despertado a curiosidade em visitar e sido um atrativo suplementar para um passeio pela zona ribeirinha da freguesia.

O Baloiço panorâmico do Tejo foi uma ideia do grupo ‘Tramagal Caminhando’, que se junta para promover e efetuar umas caminhadas pela freguesia, tendo-se socorrido da ajuda de alguns amigos para fazer e implementar um baloiço que tem atraído muitos visitantes desde que foi inaugurado, no final de setembro, num local junto à cachoeira e ao percurso ribeirinho junto ao rio. Coordenadas: 39°27’25.5″N 8°14’22.4″W

10. Baloiço Panorâmico na Encosta do Castelo (Abrantes)

Baloiço panorâmico na encosta do Castelo de Abrantes. Créditos: Junta de Freguesia de Abrantes e Alferrarede

A cidade de Abrantes também já tem um baloiço panorâmico, operacional desde o dia 22 de novembro. Situado na encosta do Castelo, permite uma vista para o rio Tejo e para a margem sul, com a ponte como passagem para o Rossio ao Sul do Tejo.

O presidente da Junta de Abrantes de Alferrarede, Bruno Tomás, referiu também que a instalação deste baloiço panorâmico “é um upgrade” do trabalho de conservação do Jardim do Castelo, destacando designadamente o passadiço existente na encosta desde os Quinchosos e que leva até ao baloiço e permite aceder ao Jardim do Castelo da cidade.

A ideia surgiu porque “esta vista caracteriza Abrantes, com o Tejo a seus pés” e o baloiço é mais um equipamento “para as pessoas contemplarem a paisagem, fazerem algumas fotografias e poderem divulgar a cidade”. Coordenadas: 39°27’49.4″N 8°11’43.3″W 

11. Baloiço Panorâmico do Vale (Vale das Mós/Abrantes)

Baloiço panorâmico em Vale das Mós. Foto: DR

Inaugurado a 26 de dezembro de 2021, o baloiço panorâmico de Vale de Mós foi construído com o apoio das forças vivas desta aldeia do concelho de Abrantes. A vista do ‘Baloiço do Vale’ vem reforçar a ideia de como “este vale, vale a pena”, pode ler-se na placa que a estrutura ostenta.

A iniciativa foi apoiada pela população, Câmara Municipal de Abrantes, Associação Juvenil Cem Rumos e União de Freguesias de S. Facundo e Vale das Mós, que procedeu à instalação do baloiço. O local onde foi colocado o baloiço, bem como o caminho a percorrer até lá chegar, foram cedidos por dois habitantes da aldeia.

Para chegar ao baloiço panorâmico do Vale, cujo acesso é pedonal por floresta, existem indicações que ajudam a chegar ao local. Coordenadas GPS: 39,34070° N, 8,06825° O.

12. Baloiço das Grutas (Mira de Aire)

Baloiço das Grutas de Mira de Aire (Porto de Mós). Foto: Grutas de Mira de Aire/Facebook

Instalado junto ao Museu do Fóssil e das famosas grutas de Mira de Aire, o Baloiço das Grutas, inaugurado em maio de 2021 naquela freguesia do concelho de Porto de Mós, conferiu um novo grau de atração aos visitantes e aos habitantes da localidade.

Coordenadas: 39°32’25.8″N 8°42’14.1″W

Rafael Ascensão

Licenciado em Ciências da Comunicação e mestre em Jornalismo. Natural de Praia do Ribatejo, Vila Nova da Barquinha, mas com raízes e ligações beirãs, adora a escrita e o jornalismo.

Entre na conversa

2 Comentários

  1. Obrigado pela notícia como gosto baloiço, na minha geração era o k havia. Vou visitar. Bem aja.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.