O protocolo foi assinado no dia 18 de janeiro, pelo presidente da Câmara Municipal do Entroncamento, Jorge Faria e pelo comandante distrital de Santarém da PSP, Paulo Quinteiro, numa cerimónia que decorreu no Salão Nobre dos Paços do Concelho. Foto: CM Entroncamento

A Câmara Municipal do Entroncamento e a PSP (Policia de Segurança Pública) já assinaram o Protocolo de Cooperação relativo à implementação de um sistema de videovigilância a instalar na cidade do Entroncamento, naquele que é “mais um passo” na intenção do município de fazer do Entroncamento “uma cidade cada vez mais segura”, referiu Jorge Faria (PS), presidente da autarquia.

A instalação do sistema de videovigilância, no entanto, não visa substituir a componente humana da atividade policial, “mas antes constituir uma ferramenta complementar da atividade municipal, preventiva e reativa, com comprovado efeito dissuasor da prática de determinados atos ilícitos criminais e condutas antissociais, permitindo agilizar uma resposta célere, assim como tornar possível a identificação de suspeitos e consequente responsabilidade criminal”, refere-se em informação municipal.

No mesmo comunicado, a autarquia entroncamentense refere que está empenhada “em proporcionar as melhores condições de bem-estar e segurança aos seus munícipes e a todos os que que visitam o concelho”, pelo que a instalação de um sistema de videovigilância na cidade será um meio auxiliar para a manutenção da segurança e ordem pública.

Enquanto Jorge Faria referiu que “este é mais um passo na nossa intenção de ser uma cidade cada vez mais segura”, agradecendo a disponibilidade da PSP no processo, o Comandante Distrital da Polícia de Segurança Pública, Paulo Quinteiro salientou também que “este sistema será uma mais valia para as forças de segurança e para a segurança da população”.

Na informação enviada ao nosso jornal, a autarquia adiantou ainda que a Câmara Municipal do Entroncamento recebeu recentemente a minuta do Contrato Interadaministrativo para a construção da nova esquadra, naquele que é “mais um passo firmado para a execução deste projeto”.

Notícia Relacionada

Rafael Ascensão

Licenciado em Ciências da Comunicação e mestre em Jornalismo. Natural de Praia do Ribatejo, Vila Nova da Barquinha, mas com raízes e ligações beirãs, adora a escrita e o jornalismo.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *