Câmara da Barquinha e Bombeiros Voluntários renovam protocolo de cooperação para 2022. Imagem: CMVNB

A Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha renovou o protocolo anual estabelecido com a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários, este ano com uma dotação de 95 mil euros. Em causa está a criação de um quadro de apoio financeiro à associação para “o pleno cumprimento da sua missão”.

A renovação formal do documento aconteceu a 31 de janeiro, numa cerimónia junto ao Barquinha Parque que contou com a presença do presidente da autarquia barquinhense, Fernando Freire, do presidente da AHBVVNB, António Ribeiro, bem como de autarcas, membros da direção da associação humanitária e elementos do corpo de bombeiros.

Câmara da Barquinha e Bombeiros Voluntários renovam protocolo de cooperação para 2022. Imagem: CMVNB

O protocolo de colaboração entre as duas entidades começou a ser renovado anualmente desde 2020 devido à situação conjuntural da Covid-19 e mutabilidade das respostas e correspondente apoio financeiro.

Com a assinatura deste documento pretende-se formalizar um “quadro de apoio financeiro à AHBVVNB para o pleno cumprimento da sua missão de garantir da sustentabilidade de um corpo de bombeiros voluntários apto a responder às situações de socorro e de emergência, bem como assegurar a atividade cultural da Banda dos Bombeiros e da Escola de Música”, refere o município em comunicado.

Para além das atividades desenvolvidas no âmbito da Proteção Civil, a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Vila Nova da Barquinha presta também serviços de cariz social e cultural às populações e às instituições do concelho.

Com efeitos reportados a 1 de janeiro de 2022 e término a 31 de dezembro deste mesmo ano, este protocolo encontra-se reportado no Orçamento Municipal – Atividades Mais Relevantes para o ano de 2022.

O protocolo de colaboração foi assinado entre o presidente do Município de VN Barquinha e o presidente da direção da AHBVVNB. Imagem: CMVNB

O documento refere a importância do trabalho dos Bombeiros no quadro de Covid-19, bem como o papel essencial que a AHBVVNB assegura no Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais (DECIR).

“A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Vila Nova da Barquinha, conforme estipulado no artigo 46° da Lei do Bases da Proteção Civil, é agente da proteção civil e parceira imprescindível do Município de Vila Nova da Barquinha no levantamento, previsão, avaliação e prevenção de riscos coletivos, assumindo a proteção e o socorro de pessoas e bens em perigo aquando de situações de acidentes graves ou catástrofes”, refere.

A autarquia lembra ainda que a associação tem por fim “manter um Corpo de Bombeiros Voluntários, destinado à proteção de pessoas e bens, nomeadamente o socorro de feridos, doentes ou náufragos e a extinção de incêndios, podendo desenvolver também atividades de índole cultural e desportiva, nomeadamente a manutenção de uma Banda de Música”.

Ana Rita Cristóvão

Abrantina com uma costela maçaense, rumou a Lisboa para se formar em Jornalismo. Foi aí que descobriu a rádio e a magia de contar histórias ao ouvido. Acredita que com mais compreensão, abraços e chocolate o mundo seria um lugar mais feliz.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.