Vilarregense vence em Casais de Revelhos e dá passo de gigante para o apuramento para a Série 1. Foto: mediotejo.net

FUTEBOL CASAIS DE REVELHOS 0 VILARREGENSE FUTEBOL CLUBE 7

Liga Inatel Santarém – Série B – 9ª. jornada – 08 janeiro 2023

Campo Futebol Casais de Revelhos – Abrantes

Se as expectativas eram algumas, cedo se percebeu que os vilarregenses, com uma equipa mais estruturada e de futebol intenso, só não chegaria ao fim do jogo com os três pontos da vitória se a equipa da casa se empolgasse e jogasse o seu melhor. Tal não aconteceu, embora não esteja em causa o empenho dos seus jogadores. O jogo acabou com uma vitória expressiva da equipa de Vila de Rei sobre o Casais de Revelhos.

Tarde de chuva em Casais de Revelhos num pelado que se apresentou com algumas poças

Numa tarde onde o vai e vem da chuva era constante, o pelado de Casais de Revelhos enlameado com umas poças de água onde a onde, foi palco de jogo entre Futebol Casais de Revelhos e o Vilarregense Futebol Clube, num jogo com resultado final desnivelado a favor do Vilarregense, não foi de todo um jogo sem história.

Tradicional moeda ao ar para escolha de campo ou bola

A equipa da casa desfalcada de alguns dos seus jogadores, entre eles a ausência dos seus guarda redes, levou a que Tiago Batista assumisse a defesa da baliza, (que fez com galhardia), algo nervosa, conjugado com o menor acerto no entrosamento entre os seus colegas de equipa.

Campo com poças depois de vários dias com muita chuva

Subindo as linhas dos seus jogadores, o conjunto de Casais de Revelhos permitiu que a equipa de Vila de Rei, com calma e determinação, impusesse o seu jogo, e, paulatinamente, foi construindo boas jogadas. Tendo concluído com êxito, e cedo no jogo, uma dessas oportunidades, o Vilarregense partiu para uma exibição tranquila, praticou bom futebol, concretizou sete das oportunidades que criou e não viu nenhuma cartolina amarela, o que lhe confere mais um ponto na tabela da disciplina, onde está bem classificado.

Vilarregense em lance de ataque

Cedo iniciando uma postura ofensiva, uma vez que só a vitória interessava ao conjunto de Vila de Rei para chegar a um lugar de apuramento para a série 1, um lance de ataque proporcionou logo aos 10 minutos uma boa intervenção de Tiago Batista, este domingo a vestir o fato de guarda-redes do Casais de Revelhos.

A dinâmica ofensiva dos homens que viajaram desde Vila de Rei surtiria efeito pouco depois. Estavam decorridos 12 minutos de jogo e Fábio, isolado frente a Tiago Batista, não perdoou e colocou a bola no fundo da baliza. Estava aberto o marcador para a equipa visitante.

Guarda redes não teve hipótese de chegar à bola num golo de belo efeito

Aos 23 minutos registo para novo golo, desta vez o Fábio, não o Francisco mas o Barra, isolado, atirou a contar, sem dificuldade, ampliando a vantagem para dois golos.

Equipa de Vila de Rei mostrou um bom conjunto e organização, não dando veleidades ao adversário

O jogo era praticamente de sentido único, apesar da equipa de Casais de Revelhos tentar trocar a bola e, a espaços, chegar perto da baliza do Vilarregense. Aos 29 minutos, uma boa jogada entre os Fábios culminou com um bom remate de Barra, sem hipótese de defesa para o Tiago Batista, que não deixava de incentivar os seus companheiros de equipa.

Vilarregense teve uma tarde de grand eeficácia

Cerca dos 30 minutos, o Casais de Revelhos teve a sua única oportunidade da primeira parte, com um forte remate para uma boa intervenção de Márcio.

Antes de terminar a 1ª. parte, ainda houve tempo para Fábio Barra aumentar para 4 o numero de golos marcados pelo Vilarregense, tendo depois as equipas recolhido aos balneários para um merecido descanso.

Jogo de muita entrega de parte a parte

A segunda parte manteve as características do primeiro tempo, embora  a equipa da casa retificasse algumas posições e passasse a jogar com uma defesa mais coesa. A falta de inspiração dos seus jogadores mais avançados era notória, com passes transviados e bolas perdidas, o que não ajudava à progressão no terreno.

Casais de Revelhos numa tentativa de ataque

Aos 17 minutos da segunda parte, um forte remate de Álvaro de fora da área resulta num belo golo e o Vilarregense chegava aos cinco a zero.

Aos 21 minutos, num canto a favor do Vilarregense, Petes saltou mais alto que todos os outros e de cabeça fez o sexto golo da sua equipa. 

Vilarregense mais forte amplia a vantagem no marcador

Aos 35 minutos, novo canto a favorecer o Vilarregense. Na marcação esteve Álvaro que, superiormente, colocou a bola diretamente no fundo da baliza.

Ao cair do pano, um potente remate dos homens de Casais de Revelhos obrigou Márcio a uma enorme intervenção, mantendo assim as suas redes invioladas.

Casais de Revelhos bem tentou chegar ao golo de honra

Resultado final pesado para a equipa da casa, num jogo marcado pela determinação, empenho e fair play por parte dos jogadores de ambas as equipas, para uma arbitragem sem casos. De parabéns as três equipas.

Vilarregense festeja vitória que pode valer apuramento direto para a série 1

Com este resultado, o Casais de Revelhos vai disputar a série 2 da Liga Inatel Inatel, ao passo que o Vilarregense, que folga na última jornada, chega ao 2º lugar do Grupo B, posição que garante apuramento direto para a série 1. O Carvoeiro, no entanto, se vencer as Mouriscas no domingo, ultrapassa a equipa de Vila de Rei na tabela classificativa, liderada pela Bemposta. Todavia, há a realçar que, além dos dois primeiros classificados de cada grupo, são ainda apurados para a série 1 os quatro melhores terceiros classificados, até um total de 18 equipas, pelo que, neste grupo B, deverão ser apuradas três equipas.

Jogo bem disputado, sem casos e com fair play

Ficha de jogo:

FUTEBOL CASAIS DE REVELHOS

Equipa de Casais de Revelhos

Tiago Batista, Sérgio Marcos, Artur Mendes, Mauro Santos, Tiago Ferreira, João Batista, Marcelo Gaspar, Nuno Josué, Neimar Alves, Rui Lopes, Bruno Tomás.

Ivo Gil, Rodrigo Silva, Miguel Brás.

Treinador:  Fábio Martins.

VILARREGENSE FUTEBOL CLUBE

Equipa do Vilarregense

Nuno Miguel, Hugo Domingos,  Box, Davis, Petes, Rui Duque, Paulo, Rolo,  Álvaro, Fábio Francisco, Fábio Barra.

Gonçalo Farinha, Ricardo Santos.

Treinador:  Eduardo Araújo

Equipa de arbitragem

EQUIPA DE ARBITRAGEM   (Leiria) – Carlos Brites, João Fernandes, e Carlos Correia.

No final da partida ouvimos os dois treinadores.

Fábio Martins, treinador do Casais de Revelhos

ÁUDIO | FÁBIO MARTINS, TREINADOR DO CASAIS DE REVELHOS:

Eduardo Araújo, treinador do Vilarregense

ÁUDIO | EDUARDO ARAÚJO, TREINADOR DO VILARREGENSE:

José Paulo Marques

Natural e residente na freguesia de Sabacheira, Tomar, militar na reforma, amante da arte da fotografia, gosta de retratar atividades culturais e desportivas para fazer a sua divulgação, colaborando com vários meios na imprensa local. É um amante inveterado dos animais, da natureza, do silêncio e da leitura.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *