O primeiro desafio do Portugal Cross Country, que decorreu de 28 a 30 de abril, permitiu que os participantes levassem consigo apenas o GPS, como único equipamento de navegação, ao longo de todo o percurso. Esta foi a primeira edição de um projeto de corrida e turismo, uma aventura de “maraturismo”, promovida pela empresa “Horizontes”. Uma viagem por etapas, durante três dias, em autossuficiência, que percorreu o Interior Centro de Portugal.

A primeira etapa, dia 28 de abril, teve início em Proença-a-Nova, com passagem em Mação e terminou em Vila de Rei. Já a segunda etapa decorreu no dia 29 de abril e ligou Vila de Rei a Oleiros, com passagem pela Sertã. Por fim, a terceira etapa realizou-se no dia 30 de abril e desenrolou-se entre Oleiros e Proença-a-Nova.

Para o Presidente da Câmara, Ricardo Aires “é sempre gratificante saber que Vila de Rei continua a ser escolhida como palco para este tipo de provas desportivas. Continua a ser inegável o interesse do setor empresarial pelo desporto natureza neste concelho, o que nos deixa confiantes no potencial que a Natureza tem para dar a este Município”, disse.

Gisela Oliveira

Jornalista profissional há mais de 30 anos, passou por vários jornais diários nacionais, nomeadamente pelo 'Diário de Lisboa', 'Diário de Notícias' e 'A Capital'. Apaixonada pela profissão desde a adolescência, abraçou o jornalismo nas suas diversas áreas, desde o Desporto às Artes e Espetáculos, passando pela Política e pelos temas Internacionais. O jornalismo de proximidade surge agora no seu percurso.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.