A Sertã acolhe este sábado o espetáculo “Inconstantes Des/Equilíbrios”. Foto: DR

A praia fluvial da Ribeira Grande, na Sertã, recebe três espetáculos de animação e performances, este sábado, dia 6 de agosto, às 18h30, e nos dias 13 e 27, no âmbito do programa cultural Caminhos da Natureza. Este sábado, aquele espaço de lazer acolhe o espetáculo “Inconstantes Des/Equilíbrios”.

“Estes três espetáculos do mês de agosto encerram a programação Caminhos da Natureza no concelho da Sertã”, refere, em comunicado, o município da Sertã. Os últimos três espetáculos no âmbito do programa Caminhos da Natureza da Programação Cultural em Rede do Médio Tejo, decorrem na praia fluvial da Ribeira Grande, nos dias 06, 13 e 27, às 18:30.

Este sábado, aquele espaço de lazer acolhe o espetáculo ‘Inconstantes Des/Equilíbrios’. “A partir, sobretudo, de visões sonoras, o desafio deste espetáculo é parar o tempo e ressaltar o desequilíbrio das perspetivas geométricas. Uma reflexão entre o antes e o agora, através de malabarismo síncrono com música ao vivo”, lê-se na nota.

“Rizoma” é o espetáculo agendado para o dia 13 e baseia-se na teoria filosófica “Rhizome” de Deleuze e Guattari: uma pesquisa contínua sobre sensibilidade, força, adversidade e infância. O espetáculo está a cargo de Rita Carmo Martins, com a flautista Clara Saleiro.

No dia 27, Telma Pinto e Pedro Tiago apresentam “Tempo, Recursos e Emoções” à Praia Fluvial da Ribeira Grande. Trata-se de uma performance que mistura música com truques, surpresa e o encantamento a nível da destreza que o circo pode oferecer. Está garantida envolvência poética e abstrata num universo de uma linguagem física rigorosa e em altura, sublinha.

Desde fevereiro, esta iniciativa da Programação Cultural em Rede do Médio Tejo trouxe à Sertã cerca de 20 espetáculos desde performances, concertos, teatro e marionetas.

“O objetivo passou pela criação de dinâmica entre as artes, o público e economia local (comércio, hotelaria, restauração e serviços), estimulando a economia da região através do turismo atraído pela procura de produtos culturais diferenciadores”, explica a autarquia.

A Programação Cultural em Rede é promovida pela Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo e pelos municípios da Sertã, Abrantes, Alcanena, Constância, Entroncamento, Ferreira do Zêzere, Mação, Ourém, Sardoal, Tomar, Torres Novas, Vila de Rei e Vila Nova da Barquinha.

Experiência sonora “Ao sabor do Vento” este sábado no clube da vila

O Clube da Sertã recebe este sábado a última paragem da experiência “Ao Sabor do Vento”, do compositor Hugo Vasco Reis, no âmbito do projeto Fôlego.

“Ao Sabor do Vento é uma experiência sonora imersiva em que o público é convidado a escutar sons da natureza e do quotidiano, que geralmente não recebem a devida atenção. Cada sessão tem a duração de meia hora”, refere, em comunicado, o município da Sertã.

Os sons foram recolhidos pelo artista e sonoplasta em locais do concelho da Sertã, como a Ribeira da Sertã, o Moinho da Alameda da Carvalha, o Açude ou o Moinho das Freiras.

“Configuram uma paisagem sonora da Sertã e serão apresentados ao público num sistema de som de alta-fidelidade, no Instituto Terra e Memória”, lê-se na mesma nota.

Agência Lusa

Agência de Notícias de Portugal

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.