Foi no dia 24 deste mês que uma unidade hoteleira de Lisboa acolheu, pela 16ªvez, os tramagalenses que trabalham e residem
na capital. Numa celebração do seu amor pela terra juntaram-se cerca de seis dezenas de tramagalenses que conviveram, contaram estórias e recordaram a sua infância.

Nem os que já partiram foram esquecidos e sentia-se a nostalgia e a saudade em muitos rostos. Reconheceram-se dificuldades, receios quanto ao futuro mas algumas obras recentes e a dinâmica de alguma mudança temperaram esses sentimentos.

Louvou-se a Vila metalúrgica, os seus valores e demonstrou-se a vontade dos que estão longe em fazer parte da massa crítica
tramagalense.

Como dizia Octávio Oliveira: ” O Tramagal é uma terra de dupla diáspora”. Ficou bem vincada a ideia de que todos são importantes. Os que aportaram e os que tiveram de sair.

A equipa que vai organizar em 2018 o 17º Jantar Convívio da Diápora Tramagalense em Lisboa é composta por Fernando Brasão, Francisco Branco, Maria de Luz Pereira e Ana Grácio Moreira.

O mediotejo.net foi ouvir José Heitor, um dos organizadores deste encontro:

José Heitor

De igual modo quisemos ouvir Octávio Oliveira, presidente da Tuna Tramagalense:

Octávio Oliveira

 

Jorge Santiago

Nasceu a 30 de Janeiro de 1961 em Lisboa e cresceu no Alentejo, em Santiago do Cacém. Dali partiu em 1980 para ingressar no Exército e no Curso de Enfermagem. Foi colocado em Santa Margarida e por aqui fez carreira acabando por fixar-se no Tramagal em 2000. A sua primeira ligação à Vila "metalúrgica" surge em 1988 como Enfermeiro do TSU. Munido da sua primeira câmera digital, em 2009 e com a passagem à situação de reserva, começou a registar a fauna do Vale do Tejo, a natureza e o património edificado da região, as ruas, as pessoas... Com colaborações regulares em jornais da região e nacionais este autodidata acaba por conseguir o reconhecimento público, materializado em alguns prémios. Foi galardoado na 8ª Gala de Cultura e Desporto de Tramagal na categoria de Artes Plásticas (Fotografia) em 2013.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *