Torres Novas apresenta Plano Estratégico Municipal de Cultura na sexta-feira. Foto arquivo: DR

O município de Torres Novas vai apresentar o Plano Estratégico Municipal de Cultura, numa sessão a decorrer no dia 24 de junho (sexta-feira), pelas 18h00, na Biblioteca Municipal Gustavo Pinto Lopes.

O plano resulta de um processo participativo e colaborativo, coordenado cientificamente pelo Observatório de Políticas de Ciência, Comunicação e Cultura da Universidade do Minho (PolObs), e foi desenvolvido em duas fases.

Na primeira fase (outubro de 2020 a junho de 2021) realizou-se uma análise de documentos e a observação direta em todas as freguesias do concelho, com a auscultação a 494 indivíduos em conversas informais, entrevistas semiestruturadas, grupos de discussão e inquéritos por questionário.

Já na segunda fase (junho a novembro de 2021), foi realizado um laboratório participativo, criativo e colaborativo visando a construção dos contributos para o plano, ao longo de 15 sessões de trabalho, as quais envolveram 52 pessoas de áreas profissionais e de estudo distintas, mas predominantemente das áreas culturais, artística, comunicação e associativismo.

Os resultados da primeira fase do trabalho desenvolvido, que correspondem ao diagnóstico das dinâmicas culturais de Torres Novas, encontram-se compilados no documento autónomo “Relatório Final”, também disponível para apoio à discussão do PEMC.TN2030.

Após o período de consulta pública serão enquadrados os contributos e definidos os indicadores, pelo que, posteriormente, o Plano será validado pelo Conselho Municipal de Cultura. Após esses processos, o documento será submetido à deliberação dos órgãos municipais competentes na sua versão final, de modo a serem tomadas decisões sobre os mecanismos de financiamento e monitorização da implementação.

Os documentos do Plano Estratégico Municipal de Cultura podem ser consultados AQUI.

Rafael Ascensão

Licenciado em Ciências da Comunicação e mestre em Jornalismo. Natural de Praia do Ribatejo, Vila Nova da Barquinha, mas com raízes e ligações beirãs, adora a escrita e o jornalismo.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.