Foto: DR

A Associação Cultural Desportiva e de Beneficência dos Bombeiros de Tomar confirmou que a corporação de bombeiros tomarense tem, de momento, dois operacionais infetados com covid-19. Outro elemento encontra-se em isolamento por prevenção. Ambas as situações estão a ser acompanhadas pela Autoridade de Saúde local.

Recorde-se que, no início da semana, a Comissão Municipal de Proteção Civil deu também conta de novos casos de infeção no Lar de S. Mateus, em Junceira, e também na creche da Sociedade Filarmónica Gualdim Pais, sendo que ambas as situações estão a ser acompanhadas pela Autoridade de Saúde.

Tomar subiu no dia 8 de janeiro para concelho de risco muito elevado. De acordo com dados da Unidade de Saúde Pública do ACES Médio Tejo, no concelho de Tomar, registaram-se, a 7 de janeiro, 27 novos casos de infeção encontrando-se 179 indivíduos em vigilância ativa. No total, no concelho, 877 pessoas testaram positivo à covid-19, tendo recuperado da infeção 592.

Em balanço regional, o Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) do Médio Tejo registou na quinta-feira mais 247 casos, números dramáticos e reveladores da evolução da pandemia na região e no país. Os novos casos foram contabilizados em Ferreira do Zêzere (+60), Entroncamento (+52), Torres Novas (+36), Tomar (+27), Ourém (+22), Abrantes (+16), Vila Nova da Barquinha (+15), Mação (+7), (Alcanena (+6), Constância (+5), e Sardoal (+1).

Joana Rita Santos

Formada em Jornalismo, faz da vida uma compilação de pequenos prazeres, onde não falta a escrita, a leitura, a fotografia, a música. Viciada no verbo Ir, nada supera o gozo de partir à descoberta das terras, das gentes, dos trilhos e da natureza... também por isto continua a crer no jornalismo de proximidade. Já esteve mais longe de forrar as paredes de casa com estantes de livros. Não troca a paz da consciência tranquila e a gargalhada dos seus por nada deste mundo.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.