Luís Ferreira esteve na génese do Festival Bons Sons, há 13 anos. Foto: mediotejo.net

*Com David Pereira (Vídeo)

Está oficialmente aberta a 10ª edição do Bons Sons e o mediotejo.net esteve esta tarde à conversa com Luís Ferreira, diretor artístico e fundador deste evento que, mais do que um festival de música portuguesa, é uma experiência única.

A aldeia de Cem Soldos, em Tomar, já está fechada e é o seu perímetro que delimita o recinto que este ano acolhe 10 palcos e mais de 50 concertos, até ao próximo domingo, dia 11 de agosto. Como sempre, são os habitantes que acolhem e servem os visitantes, numa partilha especial entre quem recebe e quem visita, proporcionando a vivência ímpar de um evento musical, bem como a reflexão do que é hoje uma aldeia e como pode a contemporaneidade ser vivida no Interior do país.

 

Joana Rita Santos

Formada em Jornalismo, faz da vida uma compilação de pequenos prazeres, onde não falta a escrita, a leitura, a fotografia, a música. Viciada no verbo Ir, nada supera o gozo de partir à descoberta das terras, das gentes, dos trilhos e da natureza... também por isto continua a crer no jornalismo de proximidade. Já esteve mais longe de forrar as paredes de casa com estantes de livros. Não troca a paz da consciência tranquila e a gargalhada dos seus por nada deste mundo.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.