Tagus abre candidaturas para financiar projetos de valorização do património local. Foto arquivo: CMA

A Tagus – Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Interior, abriu novo período de candidaturas de financiamento no âmbito da medida “Renovação de Aldeias”, inserida no FEADER, que disponibiliza para os concelhos de Abrantes (exceto freguesias urbanas), Constância e Sardoal cerca de 115 mil euros para projetos de preservação, conservação e valorização do património local. As candidaturas de projetos podem usufruir de comparticipação até 80% de despesa elegível, com investimentos situados entre os 5 mil e os 200 mil euros. O prazo de candidaturas termina a 15 de dezembro.

Esta medida do PDR2020, do Portugal 2020, financiada pelo FEADER, destina-se a apoiar pedidos de apoio FEADER que visam preservar, conservar e valorizar os elementos patrimoniais locais, paisagísticos e ambientais, bem como os elementos que constituem o património imaterial de natureza cultural e social dos territórios.

Neste campo de ação estão abrangidos os seguintes investimentos, obras de recuperação e beneficiação do património local, bem como a sinalética de itinerários paisagísticos, ambientais e agroturísticos, a elaboração e divulgação de material documental referente ao património que será intervencionado, abrangendo, também, ações de sensibilização, produção e edição de publicações ou registos videográficos e fonográficos relacionados com o património imaterial, outros investimentos relativos aos património imaterial, designadamente, a aquisição de trajes, estudos de inventariação do património rural, incidindo nas artes tradicionais, da literatura oral e de levantamento de expressões culturais.

O aviso tem como área geográfica de abrangência os concelhos de Constância, Sardoal e Abrantes (com exceção das freguesias urbanas de Abrantes e São Vicente e São Miguel do Rio Torto e Rossio ao Sul do Tejo, salvo se o beneficiário tiver sede numa destes freguesias e tiver abrangência no território rural, devendo justificar a candidatura e fundamentá-la nesse sentido).

Pode consultar-se a informação oficial AQUI. Para aconselhamento técnico, deve contactar-se a TAGUS (tel. 241 106 000/ e-mail: tagus@tagus.pt, ou presencialmente, na sede, em Abrantes).

Mário Rui Fonseca

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *