José Farinha Nunes, presidente da CM Sertã. Foto: mediotejo.net

Na sequência da decisão de reduzir em 50% o valor da água, saneamento e resíduos sólidos urbanos para todos os consumidores do concelho da Sertã, nas faturas referentes aos meses de abril, maio e junho, já é conhecido o montante que os consumidores beneficiaram no primeiro mês, sendo o mesmo na ordem dos 70 mil euros.

O presidente da Câmara da Sertã, Farinha Nunes, anunciou na reunião do dia 11 de maio, realizada por videoconferência, que o quantitativo dos benefícios dados às famílias e às empresas no mês de abril rondou os 69 mil euros.

José Farinha Nunes prevê que em maio o benefício poderá ser maior “porque quanto mais calor, mais água se consome e mais benefício as pessoas acabam por ter”. Se os valores das isenções se mantiverem igual nos três meses previstos, o total seria 207 mil euros, aproximadamente.

No contexto da pandemia covid-19 e na sequência da implementação de diversas medidas de apoio, a Câmara Municipal da Sertã deliberou em 18 de abril aquela isenção de 50 por cento.

José Gaio

Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.