Foto: FUS

Ainda não há data marcada para as eleições na Filarmónica União Sertaginense devido às contingências da pandemia. Chegou a estar marcada para 30 de janeiro a Assembleia Geral eleitoral, mas face às regras impostas pela situação que vivemos, a coletividade viu-se forçada a suspende-la.

“Será prematuro, desde já, fixar nova data, no entanto aproveito para apelar ao vosso envolvimento, no sentido de encontrar uma nova equipa que possa dar continuidade às atividades desta bicentenária coletividade”, apelou o presidente da Assembleia, João António Ruivo.

Na assembleia geral realizada a 28 de dezembro um dos pontos seria a eleição dos novos órgãos sociais, mas não se apresentou qualquer lista a sufrágio. Nesta fase, e até à próxima assembleia geral, a atual direção compromete-se a assegurar a gestão corrente da associação.

José Gaio

Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.