No elenco estão as atrizes Marina Albuquerque e a sertaginense Paloma Del Pillar. Foto: DR

A Casa da Cultura da Sertã recebe no domingo, às 15h00, a peça de teatro “Condenadas, mas pouco”, com texto e encenação de Marisa Carvalho. Esta comédia musical para maiores de 16 anos conta no elenco com as atrizes Marina Albuquerque e a sertaginense Paloma Del Pillar.

Promovido pelo Município da Sertã, o espetáculo tem entrada gratuita, mediante apresentação de bilhete que deverá ser levantado antecipadamente na Casa da Cultura da Sertã. As reservas poderão ser feitas através do 274 600 326, eventosmunicipais@cm-serta.pt ou presencialmente de segunda a sexta-feira das 9h00 às 17h00. A peça conta com a produção da Farrapo d’Arte Associação Cultural.

Na peça, elas são mãe e filha e até poderia dizer-se que são uma família normal com uma relação familiar normal. No entanto, há um pormenor que as distingue da maioria das famílias portuguesas: elas são reclusas. Duas criminosas condenadas que tratam a prisão como uma segunda casa, só que não… Elas têm outra particularidade: são peritas em fugir. 

A sua vasta experiência e perícia na arte de roubar, extorquir, traficar e matar não condizem com a sua pouca inteligência no que trata a assuntos amorosos, mas é isso que faz destas duas uma delícia para os espetadores que irão entrar numa aventura entre grades, fugas tropicais, alguma cantarolice pelo meio e muita loucura que levará os espetadores às lágrimas de tanto rir.

José Gaio

Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.