Academia Sénior da Sertã. Foto: CM Sertã

No dia 1 de outubro começou mais um ano letivo na Academia Sénior da Sertã, este ano com 180 alunos matriculados, distribuídos por 29 disciplinas que vão desde artesanato, Informática, línguas ou história.

No primeiro dia do novo ano lectivo, os alunos da Academia Sénior da Sertã participaram em atividades dinamizadas pela APPACDM (Associação de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental) da Sertã dedicadas ao dia do Coração. Assim, a disciplina de Atividade Física proporcionou uma sessão de respiração e nas disciplinas de “Cozinhar com Emoção” e “Alimentos Funcionais” foram confeccionadas refeições saudáveis.

As aulas da Academia Sénior da Sertã decorrem na antiga Escola Primária de Santo António, na Escola Tecnológica e Profissional da Sertã, na Escola Secundária da Sertã, na Biblioteca Municipal Padre Manuel Antunes, no Pavilhão Desportivo Municipal, no Ginásio da APPACDM da Sertã e no Quartel dos Bombeiros Voluntários da Sertã.

As disciplinas que os séniores podem frequentar são: Academia a Rufar, Agulha e Linha, Alemão, Alimentos Funcionais, Atividade Física, Aulas Avulsas, Bordado de Castelo Branco, Bordado Clássico, Cerâmica, Cidadania, Cozinhar com Emoção, Dança, Francês, História Local e Regional, História Universal, Hora UCC, Informática, Informática c/PC Próprio, Inglês (Iniciação), Inglês (Continuação), Ioga, Música, Pintura em Tecido, Pintura em Porcelana, Pergamano, Temáticas Sociais, Respiração, Valorização do Património Cultural e Imaterial da Sertã, e Zumba com Carinho.

A Academia Sénior da Sertã surgiu em outubro de 2010, fruto de parceria entre a Câmara Municipal e o CCD – Centro de Cultura e Desporto do Pessoal da Câmara Municipal da Sertã. Pretende ser um espaço de ensino não formal, através da criação, dinamização e organização regular de atividades de aprendizagem, culturais, recreativas e de convívio para e com a população sénior do concelho, fomentando o voluntariado social.

A apresentação pública do ano letivo 2019-2020 teve lugar na Casa da Cultura da Sertã, no dia 27 de setembro, onde foram recebidos novos e antigos alunos e apresentados os professores, que exercem a função em regime de voluntariado. Aquela sessão incluiu a apresentação dos horários das disciplinas e das temáticas a abordar ao longo do ano letivo.

Foram ainda homenageados, de forma simbólica, os alunos que concluíram cinco anos de frequência na Academia, os quais receberam um certificado pela entrega e pela partilha dedicadas ao projeto.

José Gaio

Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *