Piscina Municipal descoberta de Sardoal após as obras de requalificação. Créditos: mediotejo.net

A piscina descoberta de Sardoal já convida a banhos, tendo aberto ao público no dia 1 de julho. O horário de funcionamento é de terça-feira a domingo, das 10h00 às 13h00 e das 15h00 às 19h00, e encerra à segunda-feira.

Propriedade da Câmara Municipal de Sardoal, situa-se na zona do Parque Desportivo. Com 25 metros de comprimento e 12,5m de largura, as profundidades variam entre 0,80m e 2,20m. Está também preparada para ser uma piscina de lazer, com uma zona envolvente própria para que as pessoas possam descansar e desfrutar da piscina. Esta infraestrutura engloba também uma piscina infantil, destinada a bebés e crianças.

O equipamento dispõe ainda das seguintes infraestruturas de apoio aos utilizadores: uma receção; instalações sanitárias individualizadas para os dois sexos; bar com esplanada e vista para a piscina.

Piscina Municipal descoberta de Sardoal após as obras de requalificação. Créditos: mediotejo.net

Após obras de beneficiação, as piscinas foram inauguradas no dia 1 de julho de 2021. Em 2018, o Município de Sardoal apresentou uma candidatura ao programa de Beneficiação de Equipamentos Municipais (BEM) para a reabilitação das Piscinas Municipais Descobertas. Um investimento na ordem dos 411 mil euros, com 60% de financiamento, ou seja 180 mil euros.

As obras de reabilitação visaram a modernização do espaço, dotando a infraestrutura de condições que permitem um melhor usufruto por parte dos utilizadores.

Paula Mourato

A sua formação é jurídica mas, por sorte, o jornalismo caiu-lhe no colo há mais de 20 anos e nunca mais o largou. É normal ser do contra, talvez também por isso tenha um caminho feito ao contrário: iniciação no nacional, quem sabe terminar no regional. Começou na rádio TSF, depois passou para o Diário de Notícias, uma década mais tarde apostou na economia de Macau como ponte de Portugal para a China. Após uma vida inteira na capital, regressou em 2015 a Abrantes. Gosta de viver no campo, quer para a filha a qualidade de vida da ruralidade e se for possível dedicar-se a contar histórias.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.