Filarmónica União Sardoalense. Créditos: FUS

O projeto ‘Aldeias com Música’ organizado pela Filarmónica União Sardoalense (FUS) arranca este sábado, 19 de fevereiro, em Andreus, num total de quatro espetáculos a decorrer até maio em quatro localidades do concelho de Sardoal: Valhascos, Alcaravela, Andreus e Santiago de Montalegre.

O primeiro de quatro concertos da FUS no âmbito do projeto ‘Aldeias com música’ arranca em Andreus, num regresso à aldeia onde a banda Filarmónica não toca há mais de 10 anos. No domingo tem lugar o segundo concerto, desta feita em Valhascos.

O objetivo passa por “levar a música filarmónica até aos locais mais desprovidos de atividade cultural, ao mesmo tempo que contribuímos para a formação e desenvolvimento de públicos”, lê-se na página da FUS na rede social Facebook.

Além disso, o projeto ‘Aldeias com música’ “tem também uma forte componente educacional, na medida em que, após cada concerto, serão realizados pequenos workshops com o público interessado com vista à experimentação de instrumentos e esclarecimentos sobre a vertente formativa da FUS.”, acrescenta.

A FUS desenvolve a sua atividade “numa perspetiva de levar, a cada vez mais indivíduos, a cultura musical, agregando saberes e acumulando experiências ao longo dos anos, numa relação que se quer sempre recíproca entre os músicos e o seu público. Acreditamos que a música filarmónica é de grande relevância no desenvolvimento e formação musical de muitas gerações e por isso lançámos o projeto ‘Aldeias com Música’, para chegarmos a cada vez mais pessoas”, lê-se ainda na mesma página.

A iniciativa decorre então de fevereiro a maio, num total de quatro concertos.
Os primeiros dois concertos têm lugar: Dia 19, sábado – na Associação de Moradores de Andreus, às 15h30, e dia 20, domingo – na ACD Valhascos, às 15h30. Ambos os concertos serão seguidos de um pequeno workshop de instrumentos e de uma conversa com o público. 

O terceiro concerto terá lugar a 19 de março em Alcaravela, na Associação Recreativa e Cultural de Panascos, às 15h30, e por último, a 14 de maio, em Santiago de Montalegre, no salão da Junta de Freguesia às 17h00.

O acesso é gratuito, mas a lotação está limitada.

O projeto ‘Aldeias com Música’ é financiado pela Direção-Geral das Artes e conta com o apoio do Município de Sardoal, da Associação de Moradores de Andreus, Junta de Freguesia de Alcaravela, Junta de Freguesia de Santiago de Montalegre, Freguesia de Valhascos e ACD Valhascos.

Organização
Filarmónica União Sardoalense
Músicos executantes
Banda da Filarmónica União Sardoalense
Direção
Maestro Americo Lobato
Logística e Transportes
José António Martins
Produção e Comunicação
Susana Paixão

 

Paula Mourato

A sua formação é jurídica mas, por sorte, o jornalismo caiu-lhe no colo há mais de 20 anos e nunca mais o largou. É normal ser do contra, talvez também por isso tenha um caminho feito ao contrário: iniciação no nacional, quem sabe terminar no regional. Começou na rádio TSF, depois passou para o Diário de Notícias, uma década mais tarde apostou na economia de Macau como ponte de Portugal para a China. Após uma vida inteira na capital, regressou em 2015 a Abrantes. Gosta de viver no campo, quer para a filha a qualidade de vida da ruralidade e se for possível dedicar-se a contar histórias.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.