Foto ilustrativa: CHUTTERSNAP/Unsplash

A Câmara Municipal de Gavião confirma ao mediotejo.net ter sido contactada, há vários meses, por representantes de investidores privados, com capitais nacionais e estrangeiros, com interesse em instalar na zona uma plataforma logística.

Questionando os investidores se a autarquia dispunha de algum terreno com dimensões consideráveis que se enquadrassem no projeto e que pudesse vender para esse fim, conta José Pio, que a Câmara de Gavião indicou uma área em Domingos da Vinha, freguesia de Belver, que “em tempos já tinha sido pensado para uma plataforma logística”.

Em declarações ao mediotejo.net, o presidente de Câmara assume que “não é de fugir a um investimento desta envergadura”, tendo colocado o Gabinete de Apoio às Empresas da autarquia no terreno e disponibilizado carta militar para que os potenciais investidores pudessem contactar os proprietários e negociar a compra/venda dos terrenos em causa.

ÁUDIO | José Pio, presidente da CM Gavião

“Através do Gabinete de Apoio às Empresas mostrámos aos potenciais investidores essa possibilidade, no nó de Domingos da Vinha, freguesia de Belver”, disse o edil, referindo que os investidores “adoraram o espaço e que era aquilo que pretendiam”.

A autarquia disponibilizou a carta militar para que pudessem contactar os proprietários dos respetivos terrenos.

“A acontecer, também lhes transmitimos, que a Câmara assumiria integralmente as suas responsabilidades, que passaria por colocar todas as infraestruturas necessárias para que este investimento acontecesse naquele espaço”, adiantou, sublinhando que sendo investimento privado, a CM Gavião está “fora da negociação que terá de ser feita entre os compradores e os vendedores dos terrenos, por forma que possa acontecer”.

Ainda assim, José Pio não esconde o entusiasmo e interesse perante aquilo que teve conhecimento sobre o investimento e o impacto que, a ser realidade, este projeto terá no desenvolvimento socioeconómico do concelho.

“Estamos muito expectantes porque, a acontecer, seria uma mudança total naquilo que é a vida na freguesia de Belver e com toda a certeza no concelho de Gavião. Pelo que oiço falar, é uma coisa de uma dimensão brutal, fala-se que será a maior plataforma logística da Europa”, termina o presidente de Câmara.

Joana Rita Santos

Formada em Jornalismo, faz da vida uma compilação de pequenos prazeres, onde não falta a escrita, a leitura, a fotografia, a música. Viciada no verbo Ir, nada supera o gozo de partir à descoberta das terras, das gentes, dos trilhos e da natureza... também por isto continua a crer no jornalismo de proximidade. Já esteve mais longe de forrar as paredes de casa com estantes de livros. Não troca a paz da consciência tranquila e a gargalhada dos seus por nada deste mundo.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *