EPDRA - Herdade da Murteira, Mouriscas. Foto: DR

O III Congresso Internacional de Ferradores e Veterinários (CIFeV) decorre esta sexta-feira, dia 6, e sábado, dia 7 de julho, na Escola Profissional de Desenvolvimento Rural de Abrantes (EPDRA), em Mouriscas, Abrantes. O evento é organizado pela Horsetec e pela Mustad, em parceria com a EPRA .

O III CIFeV apresenta nesta edição o tema “+Tecnologia, +Experiência e + Qualificação “, num congresso de dois dias, contando com um quadro formativo nacional e internacional.

Segundo a organização, os temas propostos visam servir toda uma multiplicidade de profissionais que operam no mundo equestre, como ferradores, enfermeiros e médicos veterinários, entre outros profissionais do setor.

Os objetivos passam por identificar as carências e as necessidades dos profissionais equestres, organizando as temáticas a abordar em virtude dessas mesmas carências e necessidades, com o objetivo de colmatá-las.

Tal como na edição anterior, realiza-se um Curso de Ferração ministrado por ferradores de elite, no sentido de qualificar os profissionais portugueses ao nível do “melhor” que se faz no panorama internacional.

PROGRAMA

6 de julho

09:00h – Receção ao Congressistas
09:15h – Sessão de Abertura
Horsetec: Ana Brandão (gerente)
EPDRA: João Quinas (presidente)
Câmara Municipal de Abrantes
09:30h -1.ª Palestra: Nuno Bernardes: “A radiografia no apoio à ferração”
10:30h – Coffe-Break
10:45h – 2.ª Palestra: (aguarda confirmação)
11:45h – 3.ª Palestra: David Varini: “Influência na conformação sobre a forma do casco”
12:30h – Almoço.
14:00h – Inicio da 2.ª Edição Curso de Ferração com David Varini e Paul Robinson
16:30h – Coffe-break
19:00h – Fim do 1.º dia de trabalhos

7 de Julho

09:00h – Receção aos congressistas
09:15h – Inicio do 2.º dia 2.ª Edição Curso de Ferração com David Varini e Paul Robinson
10:30h- Coffe-Break
13:00h – Almoço
14:00h – Retoma de trabalhos
16:30h – Coffe-Break
18:30h – Conclusão da 2.ª Edição Curso de Ferração com David Varini e Paul Robinson
18:45h – Entrega de Certificados
19:00h – Fecho do Congresso

Paula Mourato

A sua formação é jurídica mas, por sorte, o jornalismo caiu-lhe no colo há mais de 20 anos e nunca mais o largou. É normal ser do contra, talvez também por isso tenha um caminho feito ao contrário: iniciação no nacional, quem sabe terminar no regional. Começou na rádio TSF, depois passou para o Diário de Notícias, uma década mais tarde apostou na economia de Macau como ponte de Portugal para a China. Após uma vida inteira na capital, regressou em 2015 a Abrantes. Gosta de viver no campo, quer para a filha a qualidade de vida da ruralidade e se for possível dedicar-se a contar histórias.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *