Canábis. Imagem Ilustrativa: Unsplash

No dia 21 de julho, quinta-feira, a GNR deteve em flagrante um homem de 50 anos por tráfico de estupefaciente no concelho de Alcanena, tendo-o surpreendido enquanto este procedia ao cultivo e rega de plantas de canábis.

A detenção feita pelo Comando Territorial de Santarém, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Torres Novas, ocorreu no seguimento de uma investigação que durou três meses, tendo os militares da Guarda realizado diversas diligências policiais que permitiram surpreender o suspeito em flagrante.

Tendo sido dado cumprimento a um mandado de busca domiciliária e a um mandado de busca em veículo, os militares apreenderam duas plantas de canábis com cerca de dois metros (em avançado estado de maturação), 20 plantas de canábis (em estado de germinação), 12.500 euros em numerário, um telemóvel e ainda material de corte e embalamento de produto estupefaciente.

O detido, já com antecedentes pela prática do mesmo crime, foi constituído arguido, tendo os factos sido remetidos para o Tribunal Judicial de Torres Novas.

Rafael Ascensão

Licenciado em Ciências da Comunicação e mestre em Jornalismo. Natural de Praia do Ribatejo, Vila Nova da Barquinha, mas com raízes e ligações beirãs, adora a escrita e o jornalismo.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.