A equipa de Alcanhões deslocou-se até Sentieiras onde sofreu uma pesada derrota por 10-0. Foto: mediotejo.net

CPCD SENTIEIRAS 10 – 0 AP ALCANHÕES
Liga INATEL – Grupo – D – 9ª Jornada
16 janeiro 2022 – Campo de Futebol de Sentieiras

A equipa de Sentieiras, a dois pontos do primeiro classificado (Seiça), precisava de ganhar para assegurar a passagem à fase seguinte e foi mesmo isso que fez, e em grande escala, contra uma equipa que se deslocou bastante desfalcada desde Alcanhões. A equipa da Associação Popular de Alcanhões apresentou-se ao jogo sem qualquer suplente, tendo inclusive inscrito um jogador na sexta-feira, de forma a poder disputar a partida no domingo. Aproveitou a equipa de Sentieiras para somar 3 pontos que a colocam desde já na fase seguinte de apuramento de campeão, com 19 pontos, tendo ainda um jogo em atraso que irá disputar esta quinta-feira, frente ao Lobos do Carvalhal, equipa que luta ainda por se posicionar entre os terceiros melhores classificados das várias séries. 

As equipas do Centro Popular de Cultura e Desporto de Sentieiras e da Associação Popular de Alcanhões defrontaram-se no Campo de Futebol da localidade abrantina de Sentieiras. Foto: mediotejo.net

Desde o início que foi notória a diferença de desempenho entre as duas equipas – o que se refletiu no resultado – tendo a equipa da casa controlado a partida na sua totalidade e indo acrescentando golos até chegar à dezena. A equipa visitante deu sempre mostras de fair-play, disputando bem a partida, apesar das condicionantes e do avolumar do resultado.

A partida contou para a 9ª jornada do Grupo D da Liga Inatel. Foto: mediotejo.net

A equipa da casa começou logo por dar avisos de que queria ganhar o jogo através de uma bola cruzada a partir do lado esquerdo que, ao invés de ser cabeceada, foi recebida e controlada de peito por André Claro que, já no coração da área, permitiu assim que o guardião de Alcanhões apanhasse primeiro a bola, evitando males maiores.

Seguiram-se os remates de Daniel Coelho e de Gonçalo Santos, ambos a passar por cima do travessão, bem como uma jogada feita a partir do meio campo, através de tabelinhas entre os jogadores, que culminou com um pontapé perigoso à entrada da área que passou um pouco por cima da baliza de Alcanhões.

Os avisos já tinham sido dados e foi por volta dos 15 minutos que a equipa de Sentieiras se adiantou no marcador. Após uma falta a meio campo, os jogadores da casa saíram a jogar, colocando uma bola comprida na ala direita, onde após uma corrida esforçada o cruzamento chegou a tempo de encontrar Tiago Leitão na área, que, em frente ao guarda-redes, só teve de meter a bola dentro da baliza. Estava aberto o marcador.

A equipa de Sentieiras dominou toda a partida. Foto: mediotejo.net

A equipa de Sentieiras aumentou depois a vantagem, também ao seguirem a jogar na cobrança de uma falta perto da grande área. Através de uma jogada estudada, a bola seguiu de novo para o flanco direito, e foi Filipe Rodrigues o responsável desta vez por colocar a bola no fundo das redes. 

Aproveitando uma perda de bola por parte do defesa, Tiago Leitão não desperdiçou a oportunidade de bisar no encontro, elevando para 3-0. O jogo era praticamente de sentido único e a equipa da casa foi construindo uma vitória robusta perante um adversário fragilizado. 

A equipa de Sentieiras não tirava o pé do acelerador e continuou a levar perigo até à baliza de Alcanhões, através de cantos, marcação de faltas e de remates de longe ou meia distância. A equipa visitante, na sua até então melhor jogada ofensiva, viu o seu esforço interrompido pela bandeirola levantada por fora de jogo.

Foto: mediotejo.net

No seguimento de uma ligeira confusão, o guarda-redes de Alcanhões, Jorge Melro, viu-lhe ser mostrada a cartolina amarela. A cobrança da falta, dentro da área, não foi no entanto aproveitada por parte da equipa de Sentieiras, que rematou por cima da baliza.

Pouco depois a equipa da casa introduziu novamente a bola dentro da baliza adversária através de um contra-ataque, mas viu o tento anulado por fora de jogo. A equipa de Sentieiras efetuou alguns remates mais antes do intervalo, com destaque para uma grande defesa de Jorge Melro, que voou e parou um forte remate que ainda embateu no poste. 

Chegados ao intervalo, a equipa de Alcanhões não conseguira levar qualquer perigo à baliza adversária. A equipa de Sentieiras esteve sempre por cima do jogo, a desenhar algumas boas jogadas que relevam um bom entendimento entre os jogadores.

A equipa de Sentieiras não aproveitou um livre indireto de que beneficiou dentro de área. Foto: mediotejo.net

A segunda parte da partida teve como primeiro grande momento um novo golo por parte da equipa da casa. Desta vez foi Gonçalo Santos o responsável por aumentar a vantagem para 4-0, o mesmo que pouco depois ficou isolado em frente ao guarda-redes mas que não conseguiu melhor que um remate à figura. 

O quinto tento chegou pelo trabalho e pelo pé de Frederico Silva que, roubando a bola ao defesa e sentando o guarda-redes, não precisou de fazer mais nada além de introduzir a bola dentro da baliza.

Após já terem enviado uma bola ao poste, a equipa de Sentieiras chegou à meia dúzia de golos numa jogada de contra ataque rápido. Após uma corrida pela linha, Daniel Coelho meteu a bola para o meio onde Gonçalo Santos surgiu e só teve de encostar.

A equipa de Alcanhões viu a bola entrar na sua baliza por dez vezes. Foto: mediotejo.net

No seguimento de um canto para a equipa de Alcanhões, foi a equipa de Sentieiras que conduziu um ataque com perigo até à baliza contrária, onde Frederico desperdiçou uma grande oportunidade, mesmo em frente à baliza, enviando a bola ao lado. 

Pouco depois o jogador redimiu-se. Vendo a bola a ser-lhe metida a partir do lado direito, dessa vez não perdoou e colocou a bola dentro da baliza, não dando hipótese de defesa. 

Numa bela jogada, a equipa de Sentieiras por pouco não voltou a marcar. Gonçalo Santos picou elegantemente a bola para a entrada da grande área, onde esta foi recebida por Daniel Coelho, o qual a passou por cima do jogador que tinha entre si e a baliza, rematando de seguida. O pontapé, no entanto, saiu ligeiramente ao lado. 

A partida decorreu sob o olhar atento de alguns adeptos e com a localidade de Sentieiras como pano de fundo. Foto: mediotejo.net

Frederico voltou a marcar pouco depois, após uma jogada ganha na raça. Depois de muita luta com mais do que um adversário, Frederico acabou por ficar com a bola, não hesitou e enviou a bola para o fundo da baliza. Este mesmo jogador voltaria ainda a marcar, após um passe de Gonçalo Santos, que, mesmo sozinho em frente à baliza, não foi egoísta e ofereceu a bola para o lado para um encosto de Frederico.

De novo através de Frederico, que completou uma mão-cheia de golos, a equipa de Sentieiras estabeleceu o resultado final: após receber uma bola rasteira, e de costas para a baliza, o número 16 de Sentieiras virou-se e, sem ver, rematou a bola pelo chão, a qual foi a rolar até encontrar o poste contrário que a ajudou a entrar na baliza.

A equipa de Alcahões não conseguiu levar verdadeiro perigo até à baliza adversária. Foto: mediotejo.net

Estava consumado o resultado de 10-0 de uma equipa forte de Sentieiras que não deu qualquer hipótese ao desfalcado conjunto de Alcanhões, o qual, no entanto, nunca atirou a toalha ao chão, embora não tenha efetivamente conseguido disputar o jogo de igual para igual. Nota para o fair-play desta equipa, bem como para uma arbitragem bastante dialogante de José Neves, que não teve problemas nem erros de maior.

Na próxima jornada, a 10ª e a última, disputa-se a 23 de janeiro, o Alcanhões recebe o Bairrense, equipa que ainda luta por um dos lugares de apuramento. A equipa de Azinhaga recebe as Sentieiras, esta última já com o apuramento assegurado, assim como o Seiça, que fecha esta fase do campeonato com uma deslocação ao concelho de Abrantes para defrontar os Lobos de Carvalhal. Para a série 1 apuram-se as duas melhores equipas de cada grupo, a par dos 4 terceiros melhores classificados de todas as séries.

Ficha do Jogo:

CENTRO POPULAR DE CULTURA E DESPORTO DE SENTIEIRAS

Telmo, João Henriques, Filipe Rodrigues, Carboila, Tiago Leitão, Daniel Coelho, Vasco Pombo, Diogo Pita, Nuno Mateus, André Claro, Gonçalo Santos
Suplentes: Filipe Pombo, André Alves, Roldão, Fábio, Tiago Trindade, Frederico, Diogo
Treinador: Mário Rodrigues

CPCD Sentieiras. Foto: mediotejo.net

ASSOCIAÇÃO POPULAR DE ALCANHÕES

Jorge Melro, Fábio Santos, Pedro Pereira, Nazary, Nélson Duarte, Rodrigo Piedade, Miguel Luís, Francisco Rocha, André Almeida, Rodrigo Ferreira, Diogo Antunes
Treinador: Rodrigo Piedade

AP Alcanhões. Foto: mediotejo.net

GOLOS: Tiago Leitão [2], Filipe Rodrigues, Gonçalo Santos [2], Frederico Silva [5] (Sentieiras)

EQUIPA DE ARBITRAGEM: José Neves, Tiago Martins, Tiago Ruivo

Equipa de arbitragem, Tiago Martins, José Neves, Tiago Ruivo. Foto: mediotejo.net

Como habitualmente fomos escutar os responsáveis técnicos de ambas as equipas:

MÁRIO RODRIGUES (Sentieiras)

RODRIGO PIEDADE (Alcanhões)

Rafael Ascensão

Licenciado em Ciências da Comunicação pela Universidade da Beira Interior. Natural de Praia do Ribatejo, Vila Nova da Barquinha, mas com raízes e ligações beirãs, adora a escrita e o jornalismo. Ávido leitor, não dispensa no entanto um bom filme e um bom serão na companhia dos amigos.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.