Autarcas e chefias na foto dos primeiros 101 dias de mandato. Foto: DR

A nova maioria socialista na Câmara Municipal de Ferreira do Zêzere fez um balanço dos primeiros 101 dias “ao serviço de Ferreira do Zêzere e dos ferreirenses”, que foram por “muito trabalho, reajustamentos e aprendizagens que robustecem esta equipa, cujo propósito é servir a sua terra e respetivas gentes”.

“Os desafios são muitos, mas os sonhos superam-nos em número e força, o que permite prometer um trabalho arrojado, simultaneamente voltado para os ferreirenses e para os novos públicos que se pretendem atrair para este território tão rico e marcado por características únicas”, referem os novos autarcas numa nota publicada na sua página.

Durante estes primeiros meses, o Executivo Municipal realizou reuniões setoriais com cada uma das quatro novas divisões previstas no Regulamento de Organização dos Serviços Municipais e respetivo organograma, publicado no dia 21 em Diário da República.

O Presidente Bruno Gomes apresentou as chefias das divisões e a coordenadora multidisciplinar de recursos humanos, dando conta de que este novo modelo facilitará “uma visão mais moderna e ágil dos serviços municipais, ao mesmo tempo que prepara a autarquia para o processo de descentralização administrativa”.

Por outro lado, acrescentou, “permitirá uma gestão mais eficiente dos recursos humanos, alicerces primordiais da vida das organizações”. Expressou ainda a sua convicção de que este trabalho de reorganização interna evidenciará resultados a curto e médio prazo, por forma a melhor responder ás necessidade de Ferreira do Zêzere.

Sob a forma de balanço, reiterou-se “o trabalho de proximidade que tem vindo a ser promovido no sentido de resolver os problemas identificados, ao mesmo tempo que se está a desenvolver o trabalho necessário para, com base na estratégia deste executivo, colocar em funcionamento um conjunto de projetos que se consideram estruturantes para o desenvolvimento do território”.

Os primeiros 101 dias de mandato foram ainda marcados por uma visita aos centros Escolares de Areias e Ferreira do Zêzere “precisamente porque o olhar do Executivo e da Câmara Municipal está colocado no futuro”.

“Ouviram-se os mais novos, perceberam-se as suas necessidades e aspirações, na certeza de que a educação é um pilar central da estratégia municipal, que coloca os munícipes no centro das políticas locais”, reitera o novo Executivo de maioria socialista.

“De forma alinhada com a comunidade e suas vontades, construir-se-á um futuro que a todos orgulhará”, conclui.

José Gaio

Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.