Feira do Tejo regressa de 9 a 13 de junho a Vila Nova da Barquinha. Foto: DR

A Feira do Tejo regressa a Vila Nova da Barquinha entre os dias 9 e 13 de junho, dia de feriado municipal, após dois anos de interregno, com um programa eclético e que visa celebrar a cultura e tradição. Num evento com muita musica, gastronomia e animação, no dia 13 vão ser homenageadas entidades e personalidades barquinhenses que se destacaram em várias áreas.

Com uma programação musical, cultural, gastronómica e desportiva muito diversificada e que vai decorrer durante cinco dias no parque ribeirinho de Vila Nova da Barquinha, um dos pontos altos vai decorrer no último dia da XXIV Feira do Tejo, na segunda-feira, dia 13 de junho (feriado municipal), com uma homenagem a entidades e personalidades naturais do concelho e que se distinguiram em áreas diversificadas como a saúde, a economia, a música, a fotografia ou o desporto, numa cerimónia que irá decorrer no auditório do Centro Cultural.

Entre os homenageados pelo município encontram-se os nomes de Carlos Matos Gomes, Jorge Tormenta, Joaquim Branco, Vitória Patinha, Arlindo Homem, Rui Almeida, Francisco Fanhais, Joaquim Matos Vieira (a título póstumo), e as entidades Unidade de Saúde Familiar USF – Vila Nova da Barquinha, Regimento de Engenharia n.º 1, Agrupamento Escuteiros da Barquinha 583, a par de algumas empresas instaladas no concelho.

Numa cerimónia em que o município vai distinguir com a Medalha Municipal de Mérito – Grau Ouro (Serviço à Comunidade) os profissionais de saúde Joaquim Branco e Vitória Patinha, o momento será também de reconhecimento aos trabalhadores que atingiram 30 anos de serviço e a quem será atribuída a Medalha Municipal de Bons Serviços.

Os portugueses The Gift são os cabeças de cartaz da edição deste ano da Feira do Tejo, com a banda da vocalista Sónia Tavares a atuar no palco principal no dia 12 de junho.

Hoje, no primeiro dos cinco dias de festa, a animação noturna fica a cargo do DJ Addline, ao passo que a cantora, compositora e rapper portuguesa Nenny atua no dia seguinte (dia 10), a banda Scorpius – Scorpions Tribute no dia 11, e The Gift no dia 12, antecipando o concerto de encerramento da noite de 13 de junho com a Orquestra Ligeira do Exército (OLE).

Como é tradição, a XXXIV da Feira do Tejo contará com dezenas de expositores, artesanato, tasquinhas, desporto, música, folclore, animação de rua, teatro, dança, marchas populares, exposições, entre muitas outras atividades, num programa bastante eclético e de entrada livre.

A Feira do Tejo é resultante da parceria do Município com dezenas de associações e entidades do concelho, dando forma a um programa de animação com atividades para toda a família e muita diversão junto ao rio Tejo, num espaço relvado de sete hectares que constitui o parque ribeirinho.

O evento é também uma oportunidade para conhecer as inúmeras atrações turísticas do concelho, como o novo Trilho Panorâmico do Tejo e a paisagem ribeirinha e património existente ao longo de todo o percurso, o Castelo de Almourol, monumento nacional cujo ingresso inclui também o acesso ao Centro de Interpretação Templário, ou o o Parque de Escultura Contemporânea, que nestes dias oferece visitas guiadas pelas 11 esculturas de grandes dimensões.

A Feira do Tejo é também uma oportunidade para percorrer as ruas e aldeias do concelho e partir à descoberta das 11 obras resultantes do Programa de Arte Pública da Fundação EDP, de artistas como Vhils e Manuel João Vieira, ou de parar em Atalaia e visitar a renovada Igreja Matriz, monumento nacional e um dos pontos principais da passagem do Caminho Português de Santiago pelo concelho.

Notícia relacionada:

c/LUSA

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *