Fátima vence em Alpiarça e sagra-se campeão distrital da 2ª divisão. Foto: mediotejo.net

CD “OS ÁGUIAS” ALPIARÇA O – CD FÁTIMA 1

Campeonato Distrital 2ª Divisão | 10ª jornada – Apuramento Campeão – 19/06/2022

Estádio Municipal Dr. Raul José Neves – Alpiarça

Se para a equipa da casa um empate seria suficiente para se tornar campeão da 2ª divisão distrital de Santarém, já o Fátima precisava de vencer para conquistar o primeiro lugar. E foi o que sucedeu, com um golo solitário, mas suficiente para fechar a época com chave de ouro e levar o título para a sala de troféus do Centro Desportivo de Fátima.

Entrada em campo das três equipas

Foi uma primeira parte algo morna, em que a equipa da casa, em vantagem pontual sob o seu adversário, não arriscou muito, optando por esperar pelas iniciativas do Fátima para depois tentar fazer o seu jogo e espreitar alguma oportunidade. Já a equipa de Nuno Kata, como lhe competia, teve mais posse, e tentava chegar com perigo perto da baliza defendida por Tiago Silva para chegar à frente da classificação.

Fátima em lance de ataque

Não houve grandes oportunidade de golo para o Alpiarça em quase toda a primeira parte mas também o Fátima não conseguiu construir oportunidades flagrantes face à boa organização defensiva do conjunto de Alpiarça. No estádio, os adeptos continuavam animados com a festa de subida de divisão assegurada e incentivavam as suas equipas para a conquista do título.

Adeptos do Águias de Alpiarça foram incasáveis no apoio à sua equipa

Só nos 5 minutos finais do primeiro tempo ambas as equipas conseguiram criar algum perigo. Primeiro a equipa de Fátima, num ataque rápido pelo lado esquerdo, em que o cruzamento sai para a entrada da área com Lucas a surgir e a rematar forte mas ao lado.

Na resposta, a equipa da casa, num lance pela direita, cruza para o coração da área onde surge Pelarido a cabecear mas com a bola a sair ao lado do alvo. Pouco depois o árbitro mandava toda a gente para os balneários e o empate a zero que se registava no marcador servia os intentos da equipa de Jorge Peralta.

Lance de perigo junto à baliza do Águias de Alpiarça

O ambiente fora das quatro linhas continuava animado em Alpiarça, com os adeptos de ambas as equipas a exibirem bandeiras com os símbolos dos clubes, cartazes de incentivo e a entoarem cânticos de apoio.

Pouco depois do início do segundo tempo, aos 9 minutos, Filipe fez o golo, que seria decisivo, para a equipa visitante, e os adeptos que viajaram de Fátima tiveram razões para ainda mais se fazerem ouvir.

Filipe fez o golo decisivo para o Fátima

Lance de ataque pelo lado direito com cruzamento a sair para o centro da área onde surge Filipe, ligeiramente descaído na esquerda, a rematar forte. A bola bateu no poste  e passou por detrás do guarda-redes, não tendo chegado a beijar as malhas, mas o árbitro auxiliar deu mesmo a indicação de que a bola havia ultrapassado a linha de golo. Festa total entre jogadores, equipa técnica e adeptos do Fátima.

Jogadores e adeptos do Fátima na festa do golo

Jorge Peralta, vendo-se em desvantagem, deu indicações de imediato para dentro do campo para a sua equipa subir no terreno. O Águias começou a empurrar o Fátima para o seu reduto e a estratégia dos dois conjuntos era agora outra. O resultado servia os objetivos da equipa de Nuno Kata e teria de ser o Águias de Alpiarça a assumir os riscos e as despesas do jogo.

Águias respondeu bem ao golo sofrido e pressionou o último reduto do Fátima

Mas, apesar da pressão do Águias, o Fátima não se fechou na sua defesa e esteve perto do segundo golo aos 26 minutos. Num livre batido do lado direito do ataque do Fátima, Afonso decidiu rematar direto à baliza, obrigando a intervenção atenta e segura de Tiago Silva.

Com o tempo a passar a equipa de Alpiarça pressionava cada vez mais o adversário e conseguiu criar lances de muito perigo. Aos 37 minutos, Sérgio Mendes ultrapassou um defesa pela esquerda e já dentro da área atirou forte e rasteiro obrigando Wilson a defender com os pés. Os adeptos do Alpiarça levavam as mãos à cabeça enquanto para o lado da claque do Fátima a ordem era ter fé nos jogadores e esperar que os ponteiros do relógio corressem mais depressa.

Fátima em lace de ataque à baliza do Águias de Alpiarça

Ainda antes do fim do tempo regulamentar, a equipa de Alpiarça conseguiu criar duas ocasiões de muito perigo junto da baliza de Wilson, com a bola a embater nos ferros mas a não entrar na baliza adversária. Não era dia do Águias e o jogo caminhava para o seu final.

Alpiarça lutou muito mas não teve a sorte do jogo do seu lado

Já no período de descontos, a equipa do Fátima, por intermédio de Afonso, conseguiu ganhar a bola no ataque e à entrada da área rematou forte para defesa de Tiago Silva. Foi o último lance do encontro e assim que João Mendes apitou para o final da partida houve invasão de campo por parte dos adeptos de Fátima para com a sua equipa fazerem a festa de campeões.

Quando o árbitro para o final da partida houve festa do lado do Fátima e desilusão em Alpiarça

Vitória justa da equipa de Fátima por ter sido a equipa que mais se esforçou em busca do golo e que, mesmo a vencer e sob pressão da equipa de Alpiarça, ainda conseguiu criar alguns lances de perigo, mantendo a sua baliza inviolável. A equipa de Jorge Peralta, após o golo sofrido, foi mais acutilante e conseguiu criar boas oportunidades para marcar mas não teve a estrelinha do seu lado, apesar do apoio do público e da qualidade dos seus jogadores. De registar o fairplay no final do jogo do conjunto de Alpiarça, num bom jogo de futebol disputado entre duas equipas de primeira. Bom trabalho da equipa de arbitragem chefiada por João Mendes.

FICHA DE JOGO:

CD “OS ÁGUIAS” ALPIARÇA

Águias de Alpiarça

Tiago silva, Gonçalo Ziboia, Gonçalo Guerra, Tiago, Corte-Real, Antão, Tiago Pereira, Vitinho, Bernardo e José Pelarido.

Suplentes: Guilherme, Sérgio Mendes, João Formiga, Artolas, Atela, Edu e Gonçalo.

Treinador: Jorge Peralta

CD FÁTIMA

Centro Desportivo de Fátima

Wilson, Isaac, Duarte, Tomás, Filipe, Pereira, Alex, Afonso, Lucas, Bernardo Vaz e Diogo.

Suplentes: António, Edu, Pedro, Gatoso, Moura, João Leal e Figueira.

Treinador: Nuno Kata

GOLOS:  Filipe.

EQUIPA DE ARBITRAGEM: João Mendes, Diogo Pereira e Rui Mendes.

Equipa de arbitragem

DISCIPLINA: Cartão amarelo:  Gonçalo, Corte-Real, Artolas, Wilson e Lucas.

No final ouvimos os treinadores de ambas as equipas:

Jorge Peralta, treinador do Águias de Alpiarça

ÁUDIO | JORGE PERALTA, TREINADOR DO ÁGUIAS DE ALPIARÇA:

Nuno Kata, treinador do CD Fátima

ÁUDIO | NUNO KATA, TREINADOR DO CD FÁTIMA:

Fotos de Luís Ribeiro/mediotejo.net

Luis Ribeiro

Natural e residente em Tomar, tem como profissão Distribuidor, mas é com a fotografia que se identifica. É amante desta arte em geral, mas a sua verdadeira paixão é a Natureza e Vida Selvagem e os Retratos. É autor do livro de fotografia “Alma Nabantina” e fundador/administrador dos grupos do Facebook “Amigos da Fotografia de Tomar” e "Fauna de Tomar”. Colabora na área de fotografia na imprensa regional e local e já em 2018 foi júri convidado de dois concursos de fotografia. Neste ano conta também com duas exposições de fotografia coletivas, preparando atualmente a terceira.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.