Castelo de Alvega | Foto: CM Abrantes

No dia 14 de junho Abrantes comemora o 102º aniversário de elevação a Cidade.

Alvega e Concavada está situada na parte sul do Concelho, na margem esquerda do rio. A União das Freguesias tal como é desde 2013 tem origem em duas vizinhas: “Alvega” – que aparece pela primeira vez mencionada em 1194, em documento que atesta a doação feita por D. Sancho I das terras de Guindintesta à Ordem dos Hospitalários, e “Concavada” –  instituída por Decreto-Lei em 1985 a partir de alguns lugares que integravam Alvega.

O topónimo “Alvega” derivará da designação que os árabes davam a este local – Alrega, ou (teoria defendida por outros autores) será um topónimo híbrido com o artigo “al-“ seguido de vega “veiga”. “Concavada”, por sua vez, será uma variante da palavra latina “concha”, podendo a alusão dever-se ao mar e à hipótese de a aldeia ter sido fundada por fenícios, povo marítimo, do qual existem provas da sua presença no território. Outra interpretação, popular, atribui o nome ao apelido “Cuncas”, nome de uma família que veio à região fazer uma cavada, para depois aí se fixar.

José Manuel Rodrigues Felício tem 54 anos e está no cargo de Presidente da Junta pelo PS desde 2013.

Foto: mediotejo.net

Qual o primeiro espaço ou local da sua freguesia que escolheria para mostrar a um turista?
O destaque na União de Freguesia vai para a Igreja Matriz de S. Pedro. O Solar de Alvega é outro ex-libris e sugeriria a vista do vale do Tejo com a Praia Fluvial.

Como é viver na sua freguesia? Que pontos destaca em termos de serviços e qualidade de vida, para alguém que hoje quisesse mudar de Lisboa e viver no interior do país?
Viver na União de Freguesia é uma vida calma e de proximidade com os vizinhos. Servicos como a Extensão de Saúde, a Biblioteca (TIC), os CTT (assegurado pela União de Freguesias), o Centro de Dia e os transportes regulares para a cidade, são os fatores que, em conjunto, fazem com que viver no interior seja ótimo.

Como descreve a sua freguesia? Que investimento sugeriria a um eventual empresário que quisesse investir na sua freguesia?
Proximidade com o rio Tejo, a sua paisagem, a sua riqueza histórica, o legado dos seus antepassados, são pontos fortes para investir na União de Freguesia.

Quais os pontos fortes que destaca na freguesia e que debilidades gostaria de resolver?
O Ponto forte são as pessoas e o ponto fraco é o curto orcamento.

Como é desempenhar o cargo de presidente de junta? O que o motiva a trabalhar em proximidade?
O mais gratificante é a sensacão de dever cumprido. A proximidade com as pessoas é fundamental, nunca prometo o que não vou cumprir… mas prometo que tudo farei para que a nossa União de Freguesias seja mais ativa. Para isso estou disponível para ouvir todas as pessoas de forma a compreender os seus problemas, e procurar solucões.

Abrantes celebra as suas festas anuais de 13 a 17 de junho. O que destaca deste momento festivo?
As Festas da Cidade de Abrantes é um dos mais relevantes eventos da agenda cultural do Município, projeto que surge todos os anos fortalecido pela sua diversidade e sem dúvida um evento de e para todos.

***

Retrato da Freguesia

Localidades: Alvega, Concavada, Casa Branca, Areia de Cima, Areia de Baixo, Lampreia, Monte-Galego, Ventoso, Tubaral, Portelas e Ribeira do Fernando.
Área: 75,85 Km2
População: 2.152 habitantes

Ordenação heráldica do brasão: 3 de novembro de 2014

Descrição do brasão:
Escudo de ouro, barco de negro, mastreado e cordoado do mesmo, realçado de prata e vestido de azul, vogando em campanha ondada de azul e prata de quatro tiras (representam a pesca, os portos fluviais e a navegação tradicional no rio Tejo), entre dois ramos de oliveira de verde, frutados de negro, postos em pala (representam a agricultura e a olivicultura que são actividades de grande tradição na Freguesia). Coroa mural de prata de três torres. Listel de prata com a legenda a negro, em maiúsculas “UNIÃO DAS FREGUESIAS DE ALVEGA E CONCAVADA”.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *