Assinatura do procoloco na Escola Profissional de Torres Novas. Foto: mediotejo.net

A Escola Profissional de Torres Novas (EPTN), o CINEL (Centro de Formação Profissional da Indústria  Eletrónica, Energia, Telecomunicações e Tecnologias de Informação) e o Município de Torres Novas assinaram um protocolo na segunda-feira, dia 9 de maio, que visa desenvolver ações de formação profissional gratuitas para os munícipes torrejanos, em campos que vão desde a eletrónica e energia até às telecomunicações, tecnologias da informação ou automação.

A cerimónia da assinatura do protocolo contou com a presença de Pedro Ferreira (presidente da Câmara Municipal de Torres Novas), Joaquim Cabral (vereador da Câmara Municipal de Torres Novas e presidente da ATEP, Associação Torrejana de Ensino Profissional), Pedro Mota (vice-presidente da direção da ATEP), Hugo Aleixo (presidente do Conselho de Administração do CINEL) e António Cabral (vogal do Conselho de Administração da CINEL).

Ponto comum nas intervenções foi a importância deste tipo de formações para a profissionalização dos trabalhadores do país e, neste caso em concreto, torrejanos. Estas ações de formação foram também valorizadas pelos presentes na perspetiva da atração de empresas, tendo em conta que algumas sentem dificuldade em encontrar no concelho trabalhadores com este tipo de conhecimentos.

Foto: mediotejo.net

Outro ponto referido foi o elevado nível de iliteracia digital entre a comunidade trabalhadora portuguesa, tendo Hugo Aleixo, presidente do Conselho de Administração do CINEL, destacado no entanto as boas práticas que se executam em Portugal e que são reconhecidas no estrangeiro, como o site das Finanças ou a plataforma criada pelo SEF (Serviço de Estrangeiros e Fronteiras) para o acolhimento de refugiados ucranianos.

“Se nós, que temos ainda este nível de iliteracia, já fazemos tanta coisa, se de facto conseguirmos elevar ainda mais este nível, provavelmente conseguiremos fazer muito melhor do que aquilo já fazemos, sendo que de facto já fazemos muita coisa bem feita”, disse Hugo Aleixo.

Tendo como objetivo o “desenvolvimento de novas competências, o aperfeiçoamento profissional e a melhoria de níveis de empregabilidade”, este acordo vai assim permitir a realização de ações de formação que tanto podem ocorrer nas instalações da EPTN como em qualquer freguesia do concelho, desde que existam 16 interessados.

Em declarações ao mediotejo.net, Joaquim Cabral, que além de presidente da ATEP é também o vereador do município torrejano responsável pelo pelouro da Educação, considera que este protocolo é “importante” uma vez que dá “visibilidade à Escola Profissional de Torres Novas” e “permite que a escola fique parceira de uma instituição de referência nacional”, o CINEL.

“Aquilo que estamos aqui a tratar é ter disponível no concelho de Torres Novas, para os seus ativos – empregados, desempregados, funcionários de várias instituições, de empresas – caso estejam interessados, poderem fazer formação técnica e específica e que não é frequente por aqui”, disse o edil.

Joaquim Cabral, vereador da Câmara Municipal de Torres Novas e presidente da ATEP (Associação Torrejana de Ensino Profissional), em declarações ao mediotejo.net

“Isto é formação muito boa e é disto que o país precisa, é disto que Torres Novas também precisa, é isto que pode ser uma mais valia para as pessoas se valorizarem em termos de competências profissionais e daí também tirarem benefício para a sua vida profissional”, afirmou o vereador de Torres Novas.

Enumerando algumas das formações disponíveis – que passam por cursos de Eletrotecnia Corrente Contínua (50 horas), Algoritmia e Programação (75 horas), Programação e Bases de Dados para Web (75 horas), Adobe Photoshop (55 horas), além de formação ao nível da literacia digital, com cursos como Apresentações e Internet (100 horas) e Processamento de Texto e Folha de Cálculo (100 horas) – Joaquim Cabral sublinha o facto de estes cursos serem extensíveis a todo o concelho e poderem ser ministrados em qualquer uma das freguesias de Torres Novas, desde que tenham 16 formandos.

“Portanto o desafio é que as pessoas que se inscrevam, manifestem interesse, isto são cursos para funcionar em horário pós-laboral, que têm ainda alguns benefícios sociais para quem está desempregado, nomeadamente, se não tiver outros subsídios sociais pode haver pequenas bolsas de formação, mas mesmo para os ativos pressupõem, penso que haverá também subsídio de transporte, portanto as condições estão criadas para as pessoas os frequentarem e para as pessoas os valorizarem”, referiu. 

Esta protocolo colaborativo conta ainda com a participação ativa do Centro Qualifica da Escola Profissional de Torres Novas, cuja missão é “possibilitar à população a conclusão do 9° ano ou do 12° ano, através de um processo de Reconhecimento, Validação e Certificação de Competências (RVCC), obtendo uma certificação escolar de nível básico ou de nível secundário, podendo, também, obter uma certificação profissional”.

Foto: mediotejo.net

A Escola Profissional de Torres Novas (EPTN) está já também a receber inscrições para o próximo ano letivo, sendo que as mesmas podem ser feitas AQUI. Para o ano letivo 2022/2023, que conferem dupla certificação Escolar e Profissional – Nível 4, são a EPTN tem assim disponíveis os cursos de Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos, Técnico de Comunicação – Marketing, Relações Públicas e Publicidade, Animador Sociocultural, Técnico de Logística, Técnico de Turismo e Técnico de Gestão.

Criada em 1991, a Escola Profissional de Torres Novas foi o resultado da celebração de um contrato-programa entre a Câmara Municipal, a NERSANT (Associação Empresarial da Região de Santarém), a ACIS (Associação dos Comerciantes Retalhistas dos Concelhos de Torres Novas, Entroncamento, Alcanena e Golegã e o Ministério da Educação).

Rafael Ascensão

Licenciado em Ciências da Comunicação pela Universidade da Beira Interior. Natural de Praia do Ribatejo, Vila Nova da Barquinha, mas com raízes e ligações beirãs, adora a escrita e o jornalismo. Ávido leitor, não dispensa no entanto um bom filme e um bom serão na companhia dos amigos.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.