Um dos cartazes removidos (Foto: DR)

A Comissão Política Concelhia do CDS-PP do Entroncamento apresentou nesta quarta feira, dia 5, uma queixa na esquadra da PSP por “remoção ilegal de propaganda eleitoral”, assim como na Comissão Nacional de Eleições.

Pedro Gonçalves, presidente da Comissão Política Concelhia e candidato à Câmara, explicou ao mediotejo.net que foram retirados oito cartazes com os respetivos suportes na zona da estrada da Barroca, perto da sede da Filarmónica.

Na zona dos campos de futebol, verificou-se um ato de vandalismo com a destruição de um cartaz que foi colocado no meio da estrada.

O candidato afirma não querer acreditar que sejam atos executados por adversários políticos, preferindo acusar “pessoas que convivem mal com a democracia”.

Em comunicado, o CDS-PP anuncia que prosseguirá com a colocação de cartazes e que “estes atos antidemocráticos” não vão impedir a candidatura de fazer chegar a mensagem à população do Entroncamento.

“A nossa política é pela positiva e não nos abalamos com atos desta natureza”, conclui Pedro Gonçalves.

José Gaio

Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.