Créditos: Pixabay

No espaço de um mês, as cores do mapa dos concelhos do Médio Tejo avançaram muito rapidamente no espectro de risco, passando do branco para o amarelo, saltando depois para o laranja e o vermelho. Este domingo, dia 12 de dezembro, havia já dois concelhos em “risco extremo” de contágio por covid-19: Ferreira do Zêzere e Ourém. Com “risco elevado” estão agora Abrantes, Entroncamento, Sardoal, Tomar e Torres Novas, e em “risco elevado” os restantes concelhos: Alcanena, Constância, Mação e Vila Nova da Barquinha. 

Analisando a evolução da pandemia nas últimas três semanas, há concelhos em que se verifica já uma descida da curva de casos, como é o caso de Constância e Vila Nova da Barquinha, enquanto noutros é notória a progressiva trajetória, sempre a subir, como Ferreira do Zêzere e Tomar.

Segundo o boletim epidemiológico desta segunda-feira, 13 de dezembro, há 1.370 pessoas em vigilância ativa no Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) do Médio Tejo, dos quais 464 em Torres Novas, 283 em Abrantes e 153 no Entroncamento.

Desde o início da pandemia foram contabilizadas 19.146 infeções por covid-19, que causaram 420 óbitos.

Patrícia Fonseca

Sou diretora do jornal mediotejo.net e da revista Ponto, e diretora editorial da Médio Tejo Edições / Origami Livros. Sou jornalista profissional desde 1995 e tenho a felicidade de ter corrido mundo a fazer o que mais gosto, testemunhando momentos cruciais da história mundial. Fui grande-repórter da revista Visão e algumas da reportagens que escrevi foram premiadas a nível nacional e internacional. Mas a maior recompensa desta profissão será sempre a promessa contida em cada texto: a possibilidade de questionar, inquietar, surpreender, emocionar e, quem sabe, fazer a diferença. Cresci no Tramagal, terra onde aprendi as primeiras letras e os valores da fraternidade e da liberdade. Mantenho-me apaixonada pelo processo de descoberta, investigação e escrita de uma boa história. Gosto de plantar árvores e flores, sou mãe a dobrar e escrevi quatro livros.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *