Foto: David Belém Pereira

17:30 – O incêndio que deflagrou esta tarde no Campo Militar de Santa Margarida da Coutada, Constância, começou junto ao paiol, zona de segurança máxima, tendo entrado em fase de resolução cerca das 17:18. As chamas lavraram em zona de eucaliptal, olival, e mato, disse o comandante dos Bombeiros Voluntários de Constância.

Segundo Marco Gomes, o vento que se faz sentir na zona originou fortes projeções e propagação das chamas, tendo os operacionais dominado o incêndio com o apoio com mais de 100 operacionais, 35 viaturas e seis meios aéreos.

O incêndio mobilizou seis meios aéreos e mais de uma centena de operacionais no combate às chamas. Segundo o autarca constanciense Sérgio Oliveira, as chamas lavram em zona de floresta e sem habitações por perto ou povoações em perigo.

17:18 – Segundo os dados da ANEPC, através do portal prociv.pt, a ocorrência entrou em resolução, isto é, é já considerado incêndio sem perigo de propagação para além do perímetro já atingido, estando circunscrito e a corresponder à resposta dos meios no terreno.

A esta altura permanecem no combate seis meios aéreos e 132 operacionais apoiados por 35 viaturas.

Fotos: Ricardo Escada

16h41 – Segundo a ANEPC, o incêndio teve início cerca das 15h42. No portal prociv.pt consta que estão no terreno, às 16h31, 107 operacionais apoiados por 29 viaturas no combate.

O fumo negro avista-se já nos concelhos circundantes de Constância, denunciando este fogo em zona de mato a longos quilómetros, e que está neste momento a dar trabalho aos bombeiros e autoridades de Proteção Civil.

Incêndio em Santa Margarida visto do lado de Constância. Foto: Ricardo Escada

Joana Rita Santos

Formada em Jornalismo, faz da vida uma compilação de pequenos prazeres, onde não falta a escrita, a leitura, a fotografia, a música. Viciada no verbo Ir, nada supera o gozo de partir à descoberta das terras, das gentes, dos trilhos e da natureza... também por isto continua a crer no jornalismo de proximidade. Já esteve mais longe de forrar as paredes de casa com estantes de livros. Não troca a paz da consciência tranquila e a gargalhada dos seus por nada deste mundo.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.