Alice fez uma viagem pela cultura e pelos recantos de Portugal. Foto: DR

Uma viagem pela cultura e pelos recantos de Portugal. Assim é apresentado o documentário ”No País de Alice”, do realizador Rui Simões, que vai ser exibido no sábado, pelas 21h00, no cineteatro da Chamusca.

No documentário, o realizador Rui Simões e a sua filha Alice encetam uma viagem por Portugal, dando início a uma partilha intergeracional, através do encontro com pessoas e lugares. Com Portugal como pano de fundo esta viagem é interrompida subitamente pela pandemia.

Para falar sobre esta aventura e responder às perguntas do público o realizador desloca-se à Chamusca na noite da exibição do documentário.

“Este filme foi a forma que encontrei de levar a minha filha a conhecer um pouco do país que é o nosso. Encontros passageiros, amigos, paisagens ou rituais, num cruzar de estradas ao sabor do acaso, do improviso, mas também da programação de encontros pensados e desejados. Este é um filme de família, certamente, um olhar atual sobre o Portugal de hoje, também. Uma interrupção abrupta força-nos a voltar a casa e por ali ficar até melhores dias”, explica Rui Simões.

A entrada é gratuita, mas é necessário fazer reserva no Balcão Único do Município da Chamusca (249 769 100).

José Gaio

Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *