Braga vence em Ourém pela margem mínima e segue em frente na Taça da Liga de futebol feminino. Foto: mediotejo.net

CLUBE ATLÉTICO OURIENSE 0 – SC BRAGA 1

Taça da Liga Feminina 2022/23 – Quartos-de-Final – 2ª Mão

Campo Caridade, Ourém 11/1/2023       

Tarde agradável e solarenga no Campo da Caridade, em Ourém, com boa plateia em que o Ouriense recebia a equipa de Braga para a segunda mão dos quartos-de-final da Taça da Liga Feminina após um empate sem golos em terras minhotas na primeira mão da prova. O jogo era aguardado com muita expectativa, sendo que o Ouriense, apesar do favoritismo das minhotas, lutou até ao fim pelo apuramento.

Entrada em campo das três equipas

Entraram melhor as bracarenses e aos 6 minutos de jogo Paige recebe a bola já dentro da área, vira-se para a baliza e atira forte para a defesa da guardiã Ana Rita Oliveira.

Ana Rita Oliveira tem-se destacado pela positiva na baliza do Ouriense. Foto: mediotejo.net

Com 9 minutos de jogo surge o único golo da partida. Canto marcado para as minhotas do lado direito para a entrada da pequena área, alguma confusão em que bola sobra para Vitória Almeida que atira para o fundo da baliza.

Vitória Almeida marcou aos 10 minutos o único golo da partida. Foto: mediotejo.net

Lance em que as jogadoras da casa protestaram por suposta falta antecedente ao golo das minhotas.

A equipa de César Matias tentava reagir, mas não conseguia criar grandes lances de perigo junto da baliza de Patrícia Morais.

Ouriense no controlo do esférico

A meio da primeira parte é o Braga que volta a estar perto de marcar com cabeceamento da internacional portuguesa Vanessa Marques à trave da baliza de Ana Rita Oliveira.

Sporting de Braga fez pela vida e suou muito em Ourém para assegurar o apuramento. Foto: mediotejo.net

Em cima do apito para o descanso é a guardiã do Braga, Patrícia Morais, também ela internacional portuguesa a fazer uma grande intervenção perante o remate forte e colocado de Melanie Cunha após boa jogada de ataque da turma de Ourém e com Melanie a conseguir fugir à sua marcação direta e a ficar isolada perante a guardiã que defende as cores do Braga.

A guardiã do Braga, Patrícia Morais, foi chamada a intervir em lances de dificuldade elevada. Foto: mediotejo.net

O intervalo chegou com a formação bracarense em vantagem na eliminatória.

Início melhor para a formação de Braga no segundo tempo onde chega perto da baliza adversária por duas vezes nos cinco minutos iniciais, mas sem grande perigo.

O Braga tentou ampliar a vantagem no início do segundo tempo, sem sucesso. Foto: mediotejo.net

Responde a equipa do Atlético à passagem dos 9 minutos de jogo através de mais uma boa jogada de ataque com cruzamento da direita para os pés de Melanie Cunha, que atira forte, mas mais uma vez Patrícia Morais faz grande intervenção defendendo para canto, anulando assim aquele que poderia ser o golo do empate para a equipa da casa.

Ouriense e Braga na disputa pelo controlo da bola. Foto: mediotejo.net

O jogo estava agora mais equilibrado e a equipa do Ouriense pressionava mais a equipa de Braga em busca da posse de bola. Aos 33 minutos de jogo Marta Neres já dentro da área assiste Jéssica Pastilha, mas o remate sai por cima da baliza.

Jogo bem disputado em Ourém, com a presença de muito público. Foto: mediotejo.net

Aos 38 minutos de jogo, num lance rápido, é a equipa de Braga que cria perigo junto da baliza contrária. Joline Amani recebe a bola à entrada da área, vira-se e atira forte para boa intervenção da guardiã Ana Rita Oliveira.

Ouriense mostrou atitude e qualidade perante um Braga talhado para outros voos. Foto: mediotejo.net

Até final foi a equipa de Ourém que mais procurou o golo, mas a equipa bracarense soube defender bem e segurou o resultado que lhe valeu a passagem à próxima eliminatória.

Jogadoras do Braga festejam a vitória e a passagem às meias finais da Taça da Liga. Foto: mediotejo.net

Bom jogo no Campo da Caridade, em Ourém, com muita entrega de ambas as jogadoras, bons lances de futebol de parte a parte, e onde a equipa da casa obrigou a equipa detentora do troféu a concentração máxima para seguir em frente na Taça da Liga. Bom trabalho da equipa de arbitragem. Famalicão, Benfica, Sporting e Braga garantiram a qualificação para as meias finais da Taça da Liga.

FICHA DE JOGO:

CLUBE ATLÉTICO OURIENSE:

Equipa do CA Ouriense. Foto: mediotejo.net

Ana Rita Oliveira; Carolina Pocinho, Marta Neres, Sofia Sena, Melanie Cunha, Gabrila Zidoi, Sara Brasil, Júlia Mateus, Jéssica Pastilha, Monique Santos e Leonilde Rodrigues.

Suplentes: Cláudia Rocha, Sónia Costa, Juliana Santo, Daniela Pereira, Inês Fernandes, Luana Lopes, Maria Silva, Bimba Cabral e Joyce Ramos.

Treinador: César Matias

SC BRAGA:

Equipa do Sporting de Braga. Foto: mediotejo.net

Patricia Morais, Paige, Dekker, Leah Lewis, Nicole Nunes, Vanessa Marques, Caroline Kehrer, Vitória Almeida, Dolores silva, Tânia Rodrigues e Ana Rute.

Suplentes: Lu Pinheiro, Laura Luís, Joline Amani, Catarina Pereira, Carolina Mendes, Bia Meio Metro, Beatriz Rodrigues, Laura Casanovas e Paula Fernandes.

Treinador: Gonçalo Nunes

GOLOS: Vitória Almeida.

EQUIPA DE ARBITRAGEM: Teresa Oliveira, Vânia Almeida e Eduardo Mendonça.

Equipa de arbitragem e capitãs de equipa

DISCIPLINA: Cartão amarelo: Monique Santos, Leonilde Rodrigues, Vanessa Marques e Tânia Rodrigues.

No final ouvimos ambos os técnicos:

César Matias, treinador do CA Ouriense. Foto: mediotejo.net

ÁUDIO | CÉSAR MATIAS, TREINADOR DO CA OURIENSE:

Gonçalo Nunes, treinador do SC Braga. Foto: mediotejo.net

ÁUDIO | GONÇALO NUNES, TREINADOR DO SC BRAGA:

Famalicão, Benfica, Sporting e Braga garantiram a qualificação

O FC Famalicão qualificou-se para as meias-finais da Taça da Liga, depois da vitória conseguida por 1-0, no reduto do Lank Vilaverdense. Na 1º mão já tinha vencido por 3-1. Nas restantes partidas dos quartos de final, além do SC Braga, que ultrapassou o Ouriense, também o Sporting, que vinha de um triunfo caseiro por 1-0 sobre o Damaiense, voltou a levar a melhor, desta vez por 4-1, e segue em frente. Quanto ao Benfica, que tinha vencido por 5-0 em casa o Valadares Gaia, teve de sofrer no segundo jogo para obter novo triunfo, desta vez por 3-2.

As meias-finais, que serão disputadas a duas mãos, terão então o seguinte alinhamento: SL Benfica x Sporting CP e SC Braga x Famalicão. Confira AQUI tudo sobre a competição.

Luis Ribeiro

Natural e residente em Tomar, tem como profissão Distribuidor, mas é com a fotografia que se identifica. É amante desta arte em geral, mas a sua verdadeira paixão é a Natureza e Vida Selvagem e os Retratos. É autor do livro de fotografia “Alma Nabantina” e fundador/administrador dos grupos do Facebook “Amigos da Fotografia de Tomar” e "Fauna de Tomar”. Colabora na área de fotografia na imprensa regional e local e já em 2018 foi júri convidado de dois concursos de fotografia. Neste ano conta também com duas exposições de fotografia coletivas, preparando atualmente a terceira.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *