MOVE tem feito campanha com viaturas identificadas que circulam pelo concelho. Foto: MOVE

O MOVE – Movimento Independente emitiu um comunicado em que manifesta a sua insatisfação por terem sido vandalizadas duas das viaturas com que tem realizado a sua campanha eleitoral no concelho de Ourém. Sem cartazes, o movimento independente de Vítor Frazão tem apostado na circulação de carros identificados com o logótipo da estrutura e os seus cabeças de lista.

No texto, publicado na sua página de facebook, pode ler-se que “o Conselho Permanente do MOVE – Movimento Independente, após várias vandalizações verificadas em duas das suas viaturas de campanha vem, serenamente, comunicar que a estrutura directiva e todos os candidatos do MOVE jamais se deixarão amedrontar e intimidar por estes e/ou outros actos cobardes de que venhamos a ser alvos”.

“Atacam-nos porque sabem que o MOVE – Movimento Independente, com uma campanha séria e humilde, está a subir nas sondagens e reagem, desesperadamente, contra o MOVE porque temem a nossa afirmação e implantação junto das populações, rumo à vitória autárquica”, continua.

“Estes vândalos, sem cultura democrática, com a sua cobardia e imbecilidade, estão a manchar a liberdade da cidadania Oureense representada pelo MOVE – Movimento Independente. Creiam que resistiremos aos ataques de todos os malfeitores, em nome de todas as populações do Concelho de Ourém”, termina.

O ex-presidente da Câmara de Ourém, Vítor Frazão, é o candidato do MOVE à Câmara Municipal.

Cláudia Gameiro

Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.