O Presidente da Câmara na sessão de abertura do Festival Art & Tur, em Ouréml. Foto: CMO

Está a decorrer em Ourém, no Teatro Municipal, de 25 a 28 de outubro, o Festival Art & Tur, evento de dimensão internacional onde são exibidas as melhores produções audiovisuais de turismo.

A sessão de abertura foi presidida pelo Presidente da Câmara Municipal de Ourém, dando as boas vindas a todos, para de seguida aproveitar para destacar a oferta artística e turística do concelho, reconhecendo o contributo deste festival na projeção do território, dentro e fora de Portugal.

“A realização do Festival Art & Tur engloba a presença de centenas de participantes ao longo destes quatro dias, aportando um contributo significativo para a economia local, nomeadamente ao nível da hotelaria e da restauração, por exemplo”, realça a autarquia.

Neste contexto, o Presidente da Câmara lembrou as “condições de excelência que o Município de Ourém oferece à realização de grandes eventos” nacionais e internacionais. “Pela centralidade, pelas boas acessibilidades às principais cidades do país, e também em virtude de Fátima ter o quarto maior parque hoteleiro de Portugal, o nosso concelho apresenta-se como um destino de referência para este tipo de organizações”, reforçou Luís Albuquerque.

O Festival Art & Tur teve a sua primeira edição em 2008 e “prossegue a sua missão de dar a conhecer ao Mundo as melhores produções audiovisuais de turismo realizadas em Portugal e no mundo”, conforme explicou Francisco Dias, diretor-executivo deste evento, que agradeceu “ao Município de Ourém pela abertura e pelo empenho em receber o festival”.

A edição deste ano engloba a exibição de 84 filmes, submetidos ao escrutínio de um júri constituído por peritos de cinema com origem em 19 países distintos. Paralelamente, decorrem durante os quatro dias do festival, sessões temáticas, mesas redondas, uma entrevista e ainda uma masterclass, na qual participam especialistas convidados a abordar as questões candentes do turismo e do desenvolvimento económico e sociocultural dos territórios.

O Festival Art & Tur tem apoio à organização do Município de Ourém, do Centro Portugal Film Commission, Turismo Centro Portugal e Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo, tendo como parceiros o Instituto Politécnico de Leiria, o Centro de Investigação, Desenvolvimento e Inovação em Turismo e a Natourale.

José Gaio

Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *