Foto: mediotejo.net

Foi já no final da tarde de quarta-feira, 23 de novembro, que Abrantes deu a partida simbólica às três equipas abrantinas para a prova Todo o Terreno. O roncar dos motores fez-se ouvir na Praça Barão da Batalha, no centro histórico da cidade, onde os três carros se juntaram para o início da partida que assinalou a sua participação na prova 24 Horas TT de Fronteira.

Foram vários os amantes de desportos motorizados e também os que por ali passaram que acorreram à iniciativa dinamizada pelo CAMP – Clube Aventura e Motorizado do Pego e pelo Município de Abrantes.

A 24.ª edição da BP Ultimate 24 Horas TT Vila de Fronteira volta a animar, a partir de quinta-feira, a vila do Alto Alentejo, palco da famosa prova de TT de Resistência da Europa. Organizada pelo Automóvel Clube de Portugal, a prova vai realizar-se entre os dias 24 e 27 deste mês de novembro.

Quando pelas 14H00 de sábado o semáforo da reta do Terródromo de Fronteira mudar para verde, a partida será dada a mais uma edição. Entre as 112 equipas que aceitaram o desafio, figurarão 3 de Abrantes.

Manuel Jorge Valamatos marcou presença na partida simbólica, organizada em Abrantes. Foto: mediotejo.net

Esta partida simbólica das equipas com ligações abrantinas, que é já uma tradição, contou com a presença do presidente da Câmara Municipal de Abrantes, Manuel Jorge Valamatos, que reiterou o seu apoio aos desportos motorizados e aos os pilotos que concorrem nesta prova mítica.

“Eu, obviamente, em nome do município desejo o maior sucesso desportivo a todos os atletas, a todos os concorrentes, a todas as equipas e aquilo que mais desejo é que nos possamos voltar a reencontrar aqui no próximo ano e que o resultado desta prova não traga (…) acidentes ou outra coisa menos positiva”.

ÁUDIO | Manuel Jorge Valamatos, Presidente da Câmara Municipal de Abrantes.

Na partida simbólica que animou o centro histórico marcou ainda presença a Presidente da Junta de Freguesia do Pego, Bia Salgueiro, que regressou mais um ano e desejou aos pilotos, entre os quais se encontra um “pegacho”, que esta seja uma prova segura, mas acima de tudo, de grande divertimento.

“Que seja um final feliz, um final em que não haja problemas e que cheguem aqui todos como saíram. Mais felizes ainda do que saíram”, afirmou.

Bia Salgueiro, Presidente da Junta de Freguesia do Pego. Foto: mediotejo.net
ÁUDIO | Bia Salgueiro, Presidente da Junta de Freguesia do Pego.

A Momsteel Racing Team já não é estreante na prova apresentando-se, na edição deste ano, com duas equipas. Composta por Filipe Marques, Ricardo Martins, Antony Seu e William Campbell, a primeira equipa vai percorrer as terras alentejanas com um carro novo, que se estreia na sua primeira prova em Portugal.

Mas as novidades não ficam por aqui. O piloto e empresário líder da empresa Momsteel, Filipe Marques, revela que a equipa irá apostar numa iniciativa que visa garantir a neutralidade carbónica. Esta preocupação ecológica tem por base a pegada carbónica que o carro vai emitir ao longo das 24 Horas do TT Fronteira, pelo que serão plantadas 30 árvores em Fronteira.

“Ainda é só uma estimativa de quanto é que vai ser a nossa pegada, de quanto é que nós vamos produzir em CO2 e o que fazemos é (…) uma compensação através da plantação de árvores para atingirmos um valor um bocadinho superior àquilo que vamos produzir”, explica o piloto abrantino.

Filipe Marques é um dos pilotos que irá percorrer as terras alentejanas na prova de 24 horas. Foto: mediotejo.net

Nesta edição, a equipa da Momsteel lançou um novo desafio: enquanto decorrem os treinos e a equipa apura as verificações técnicas, a banda convidada vai tocar e animar as 24 horas do evento. “Nós todos os anos temos tido a preocupação de tentar convidar grupos musicais ou algo relacionado com cultura. O ano passado já o fizemos e este ano elevámos um pouco mais (…). Criámos um desafio que foi fazer 24 horas de música”, refere Filipe Marques.

ÁUDIO | Filipe Marques, empresário líder da empresa Momsteel.

A segunda equipa a correr pela Momsteel Racing Team é composta por Ismael Margarido, Filipe Marques, Dino Canha e André Serrano. O piloto Ismael Margarido que já percorreu um total de 20 dias de prova, ao longo das edições da prova de 24 horas em que participou, ambiciona voltar a Fronteira e chegar ao fim de mais uma resistência.

O seu carro foi construído no concelho de Abrantes e não estranha as terras alentejanas. Apesar de já ter integrado edições anteriores, este ano conta com um triângulo novo, tendo apresentado já bons resultados nos ensaios realizados, explica.

“Os triângulos foram feitos já com um plasma, já com alguma sofisticação e cálculos científicos (…). Está muito bom, já fiz uma prova pirata para experimentar, o carro está completamente diferente, está muito diferente de conduzir (…). Dá um gozo espetacular”, acrescenta.

ÁUDIO | Ismael Margarido, piloto da Momsteel Racing Team,

Os Relatos Rebeldes regressam este ano à 24º edição da prova de TT. A terceira equipa abrantina nasceu na Bemposta e ao volante da carrinha vão estar Filipe Oliveira, João Jesus e Joana Santos.

Filipe Oliveira é um dos pilotos que vai participar pela equipa da Bemposta. Foto: mediotejo.net

Os Relatos Rebeldes têm ainda como copilotos Rita Lizardo, Flávio Simões e Maria Oliveira. O destaque deste ano vai para Joana Santos que, pela primeira vez vai estar ao volante numa prova de resistência. Filipe Oliveira realçou as melhorias realizadas no veículo que permitirão chegar ao fim das 14 horas de prova em Fronteira, assim espera. “A expectativa é terminar. O nosso objetivo é tentar andar o máximo de tempo possível e fazer o maior número de voltas ao nosso ritmo”, explicou Filipe.

ÁUDIO | Filipe Oliveira, piloto dos Relatos Rebeldes.

Também Rui Gonçalves, presidente do CAMP, esteve presente no evento e recordou o espetáculo que teve lugar no Pego, na última edição da Baja de Portalegre, o alargamento do Rali da Ferraria ao concelho abrantino e o desejo de uma nova prova de resistência em todo-o-terreno na região, que apesar de não poder adiantar mais pormenores, pode estar para breve.

Da esquerda para a direita, Luís Dias, vereador na CMA, Rui Gonçalves, presidente do CAMP e Manuel Jorge Valamatos, presidente da CMA. Foto: mediotejo.net
ÁUDIO | Rui Gonçalves, presidente do Clube Aventura e Motorizado do Pego e pelo Município de Abrantes.

O desejo de todos é o cruzamento da meta, a partir das 14h00 de domingo, encerrando assim esta aventura de 4 dias na vila alentejana. cruzarem a meta pelas 14 horas de domingo terminando assim esta fantástica aventura. Em paralelo, decorrerá na manhã de sábado a 10ª edição da BP Ultimate 4 Horas TT Vila de Fronteira, destinada aos SSV.

A BP Ultimate 24 Horas é considerada uma das mais carismáticas provas europeias de todo terreno de Resistência, disputando-se desde 1998 naquela vila alentejana, habitada por cerca de 2.000 pessoas, mas que vê a sua população aumentar exponencialmente durante os quatro dias do evento (de quinta-feira a domingo).

O apelo da prova organizada pelo ACP atrai tanto pilotos amadores como consagrados nomes do automobilismo, desde o bicampeão mundial de Ralis, Miki Biasion, a Stéphane Peterhansel, 13 vezes vencedor do Dakar. Na edição deste ano o destaque vai para o piloto ACP Miguel Oliveira, que vai correr as 4 Horas SSV.

Mapa do circuito, zonas de espetáculo e de camping.

A fórmula tornou-se um clássico: um circuito de todo terreno com 16,4 quilómetros de extensão, apropriadamente conhecido por ‘Terródromo’, percorrido por mais de uma centena de equipas oriundas de diferentes partes da Europa, ao volante de diferentes tipos de viaturas, com vários níveis de preparação.

Entre as ‘maratonas’ de 24 Horas (para protótipos, automóveis e SSV) e de 4 Horas (SSV e buggies), estarão em pista mais de 330 pilotos oriundos de França, Itália, Bélgica, Países Baixos, Áustria, Letónia e Portugal. E manda a tradição que o cenário de chuva, lama e frio seja acompanhado por uma fantástica moldura humana, com largos milhares de adeptos aquecidos por fogueiras, convívio e pela paixão do todo terreno.

Horário BP Ultimate 24 Horas TT Vila de Fronteira

Sexta-feira, 25 de novembro

09h30/11h45 | Treinos livres

14h00/17h00 | Treinos cronometrados (Categorias T1 T2, T3 e Promoções E e D)

15h00/17h00 | Treinos cronometrados restantes categorias

17h15/18h30 | Treinos livres todas as categorias

Sábado, 26 de novembro

14h00 | Partida

Domingo, 27 de novembro

14h00 | Chegada

15h15 | Cerimónia de pódio

Horário BP Ultimate 4 Horas TT Vila de Fronteira

Sexta-feira, 25 de novembro

11h45/13h45 | Treinos livres e cronometrados

Sábado, 26 de novembro

08h00 | Partida

12h00 – Chegada

13h00 – Cerimónia de pódio

Jéssica Filipe

Atualmente a frequentar o Mestrado em Jornalismo na Universidade da Beira Interior. Apaixonada pelas letras e pela escrita, cedo descobri no Jornalismo a minha grande paixão.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *