Morreu Manuel Martinho, diretor do Jornal de Alferrarede. Foto: DR

Manuel Martinho, fotógrafo, jornalista e diretor do Jornal de Alferrarede, morreu na segunda-feira, aos 76 anos, vítima de doença prolongada. Assumindo-se como um apaixonado pela sua terra, fundou o jornal de Alferrarede a 7 de novembro de 1985, relatando o quotidiano e a história desta freguesia do concelho de Abrantes contando com o apoio de historiadores e colaboradores.

Numa pequena publicação da centésima edição do “Jornal de Alferrarede”, Manuel Martinho, referia, citado por um dos seus inúmeros colaboradores e amigos: “esta não é a história de Alferrarede como nunca será a história do Jornal de Alferrarede. Será isso sim uma recolha de dados disponíveis sobre a nossa terra…”.

É um legado que deixa em mais de três décadas de publicações periódicas (7-11-1985 até ao último número/Edição Nº 364 – Fevereiro 2016), a par de um riquíssimo espólio fotográfico.

O funeral decorre esta terça-feira, às 12:00, no cemitério de Alferrarede. À família enlutada, a equipa do jornal mediotejo.net endereça sentidos votos de pesar.

Mário Rui Fonseca

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.