A Liga de Amigos do Hospital de Abrantes recebe a visita do presidente da Câmara Municipal e da vereadora responsável pela área da Saúde. Créditos: LAHA

A Liga dos Amigos do Hospital de Abrantes recebeu a visita do presidente da Câmara Municipal de Abrantes, Manuel Jorge Valamatos, no dia 19 do mês de janeiro, a que se fez acompanhar da vereadora da Ação Social e Saúde, Raquel Olhicas, para auscultar a Liga sobre o trabalho realizado e de como, nestes tempos de pandemia, tem conseguido manter a atividade e continuar a apoiar as situações de carência económica dos doentes do Hospital de Abrantes.

No final do ano passado, a direção da Liga, “preocupada com o crescente número de contágios originados pelo SARS-CoV-2, decidiu que era prioritário a aquisição e instalação de uma máquina de gestão de numerário, para evitar que este circulasse o menos possível entre os utilizadores”, explica em nota de imprensa.

Este equipamento, “identificado como uma necessidade imediata, não só pela melhoria da qualidade do serviço prestado, nestes tempos conturbados de pandemia que atravessamos, como uma medida de saúde pública para evitar ao máximo o perigo de contágios, foi, também, considerado como prioritário pela Câmara Municipal de Abrantes que apoiou, financeiramente, a sua aquisição”, acrescenta a mesma nota.

A Liga dos Amigos do Hospital de Abrantes dá conta que “ao longo dos anos, a Câmara Municipal de Abrantes tem sido um parceiro privilegiado da Liga, no apoio e na defesa do nosso Hospital, estando sempre na linha da frente ao encontro de soluções e resolução de problemas que possam minimizar as várias necessidades que se apresentem”.

O Conselho de Administração do Centro Hospitalar do Médio Tejo (CHMT), tendo conhecimento da visita, fez questão de estar presente e foi representado pelo presidente do Conselho de Administração, Casimiro Ramos, e pela enfermeira diretora, Maria da Piedade Pinto, agradecendo “o apoio e o grande envolvimento da Câmara Municipal com a Liga e com o Centro Hospitalar do Médio Tejo”.

A visita iniciou-se com a passagem pelo bar da Liga, onde se encontra já instalado e em funcionamento o equipamento apoiado e, posteriormente, na Biblioteca do Hospital de Abrantes onde houve oportunidade de apresentar o trabalho que a Liga desenvolve no apoio aos doentes, utentes e colaboradores do Hospital, bem como agradecer o apoio prestado, ao longo dos anos.

O presidente da Câmara realçou “o trabalho que a Liga tem desenvolvido e continua a desenvolver, em prol do Hospital de Abrantes”, manifestando “toda a abertura e disponibilidade” da autarquia para “dizer presente sempre que chamada a intervir para e na defesa do Hospital de Abrantes”.

Por seu lado, o presidente do Conselho de Administração do CHMT, também agradeceu e relevou “o trabalho que a Liga realiza no apoio e na defesa do Hospital de Abrantes”. Estendeu o agradecimento do CHMT à Câmara Municipal, “pela disponibilidade e abertura na resolução das necessidades identificadas, apoiando as iniciativas da Liga e o Centro Hospitalar do Médio Tejo na defesa do Hospital de Abrantes”.

Por fim, o vice-presidente da Liga, José Terras Marques, em nome da direção, agradeceu “as amáveis palavras e as mensagens de apoio e apreço pelo trabalho desenvolvido que são altamente reconfortantes e motivadoras para continuar o trabalho na defesa do Hospital de Abrantes”.

Recorda-se que a Câmara Municipal de Abrantes apoiou financeiramente a Liga de Amigos do Hospital de Abrantes no montante de 10 mil euros para aquisição de uma máquina de gestão automática de numerário.

A Câmara Municipal de Abrantes apoiou financeiramente a Liga de Amigos do Hospital de Abrantes no montante de 10 mil euros para aquisição de uma máquina de gestão automática de numerário. Créditos: LAHA

A Liga de Amigos do Hospital de Abrantes cuida do acolhimento adequado dos utentes ao hospital, sendo uma Instituição Particular de Solidariedade Social que colabora com a administração do Hospital de Abrantes. Tem a principal fonte de rendimento na exploração do bar do Hospital há 14 anos, e ainda do pequeno bar nas consultas externas. Há cerca de dois anos conseguiu a exploração do bazar com os jogos da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, sendo também responsável por 10 postos de trabalho.

Apresenta parte ativa do Hospital apoiando os doentes, patrocinando equipamentos hospitalares e reabilitando as estruturas. Adquire nomeadamente televisores, aparelhos de apetrechamento de gabinetes da pediatria, aparelhos da gastrologia, monitores cardíacos de última geração, aparelhos para camas polivalentes nos cuidados intensivos, aparelhos para o bloco operatório, um aparelho kardec para a unidose, uma viatura de nove lugares para transportar profissionais de saúde ou oito macas para o serviço de urgência.

Além de fundar o corpo de voluntariado hospitalar, foi ainda responsável pela remodelação total da unidade de esterilização, pela substituição do pavimento dos cuidados intensivos, pela remodelação do refeitório principal, na pintura geral do Hospital bem como promovendo a reparação da cobertura.

A Liga de Amigos foi constituída a 27 de dezembro de 2001, tendo assinalado 20 anos de atividade no mês passado.

Paula Mourato

A sua formação é jurídica mas, por sorte, o jornalismo caiu-lhe no colo há mais de 20 anos e nunca mais o largou. É normal ser do contra, talvez também por isso tenha um caminho feito ao contrário: iniciação no nacional, quem sabe terminar no regional. Começou na rádio TSF, depois passou para o Diário de Notícias, uma década mais tarde apostou na economia de Macau como ponte de Portugal para a China. Após uma vida inteira na capital, regressou em 2015 a Abrantes. Gosta de viver no campo, quer para a filha a qualidade de vida da ruralidade e se for possível dedicar-se a contar histórias.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.