A União de Freguesias de Aldeia do Mato e Souto anunciou hoje a morte de Joaquim do Carmo André, que exerceu funções autárquicas em vários executivos da Junta de Freguesia do Souto, tendo sido presidente de Junta no período de 1990 a 2005.

Na página online da União de Freguesias, pode ler-se que, neste período, “desempenhou um papel fundamental na gestão da freguesia, cuja governação se caracterizou por uma grande proximidade à população, evidenciando um elevado rigor e humildade na prossecução da atividade da Junta”.

Nesta informação, a União de Freguesias de Aldeia do Mato e Souto “presta justa e merecida homenagem a Joaquim André”, que faleceu no passado dia 19 de julho, e votos de pesar “à sua família e amigos”.

Mário Rui Fonseca

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.