Carlos Martins. Foto: mediotejo.net

O secretário de Estado do Ambiente, Carlos Martins, vai estar presente no próximo dia 13 de dezembro, quarta-feira, no 10º aniversário da Águas do Ribatejo, empresa intermunicipal de gestão de água que Torres Novas integra. A celebração, que inclui a apresentação do relatório de progresso do PENSAAR 2020, decorre a partir das 09h00 no Centro Cultural de Samora Correia.

Carlos Martins estará presente na sessão de abertura, juntamente com o presidente de Benavente, Carlos Coutinho, e o presidente do conselho de administração da Águas do Ribatejo (AR), Francisco Oliveira.

Pelas 10h00 decorre a mesa redonda “A criação da AR: obstáculos, desafios e expectativas”, com moderação de José Zenha. Os oradores são António José Ganhão, vogal do Conselho de Administração da AR entre 2007 e 2013; António Torres, secretário executivo da Comunidade Intermunicipal da Lezíria do Tejo (CIMLT); Dionísio Mendes, vogal do conselho de administração da AR entre 2007 e 2013; Joaquim Rosa do Céu, presidente do conselho de administração da AR entre 2007 e 2008; Sérgio Carrinho, presidente da mesa da Assembleia Geral da AR entre 2008 e 2013.

Pelas 11h15 tem lugar nova mesa redonda, desta vez abordando “O setor da Água em Portugal: que perspetivas para o futuro?”, com moderação de João Pires. Os oradores são Diogo Faria de Oliveira, presidente do Grupo de Apoio à Gestão do PENSAAR 2020; Francisco Nunes Correia, professor do Instituto Superior Técnico; Orlando Borges, presidente do conselho de administração da ERSAR – Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos.

Às 12h15 está agendada a sessão de apresentação do Relatório de Progresso do PENSAAR 2020, com Diogo Faria de Oliveira, presidente do Grupo de Apoio à Gestão do PENSAAR 2020. A sessão de encerramento será presidida por Carlos Martins.

Durante a tarde serão inauguradas as ETAR da Murteira e da Quinta do Papelão, decorrendo também o lançamento da “primeira pedra” da nova ETAR de Samora Correia.

Cláudia Gameiro

Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.