A Vila de Tramagal acolheu na noite de 24 de junho a tradicional Noite de Marchas Populares em dia do 264º aniversário de elevação a freguesia. Foto: mediotejo.net

A Vila de Tramagal acolheu na noite de 24 de junho a tradicional Noite de Marchas Populares em dia do 264º aniversário de elevação a freguesia. As quatro marchas que se apresentaram para atuar abrilhantaram o dia festivo perante as centenas de populares que lotaram o Largo dos Combatentes da Grande Guerra.

Na noite de São João, apresentaram-se ao público as marchas do Jardim Escola João de Deus, do Jardim de Infância do Centro Social Paroquial Nossa Senhora da Oliveira, dos utentes e funcionários do Centro Social Paroquial, e ainda a marcha da Associação de Reformados de Tramagal (ARTRAM) e Universidade da Terceira Idade de Tramagal (UTIT).

As quatro marchas que se apresentaram para atuar abrilhantaram O dia festivo perante as centenas de populares que lotaram o Largo dos Combatentes da Grande Guerra. Foto: mediotejo.net

Num fim de semana repleto de atividades culturais e desportivas, Vitor Hugo Cardoso, presidente da Junta de Freguesia de Tramagal, destacou no seu discurso a envolvência da comunidade nestes festejos, tendo feito notar as cerca de 300 pessoas que participaram na prova de atletismo, no domingo de manhã, na entrega em Tramagal do troféu relativo ao Melhor Museu do Ano – o Museu MDF -, no sábado à tarde, para além do arraial popular na noite de sábado e a tradicional sardinhada assada, fechando os festejos do 264º aniversário da freguesia com mais uma multidão para assistir ao desfile de marchas populares.

Mário Rui Fonseca

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.