Lino Freitas, técnico do União de Tomar, anunciou a sua saída do clube, tendo sido homenageado no jantar de 104º aniversário, mas repensou a sua decisão e vai continuar a orientar a equipa senior do Tomar.

O União de Tomar assinalou o seu 104.º aniversário no sábado, 5 de maio, juntando muitos sócios, atletas e técnicos desportivos num jantar que se realizou na tenda do Mercado Municipal de Tomar. O clube, fundado a 4 de maio de 1914, tem atualmente no futebol e no atletismo as suas principais modalidades e está, pela primeira vez, na Final da Taça do Ribatejo, o que foi um motivo de regozijo nesta noite de festa.

Outro momento marcado por alguma emoção por parte do presidente da direção do clube, Abel Bento, foi o da homenagem a Lino Freitas que vai deixar de treinar o U. Tomar no final da época. “Além de ser treinador do União de Tomar, o Lino é um bom amigo”, disse Abel Bento muito emocionado durante a homenagem ao treinador da equipa sénior.

Abel Bento (à direita), presidente do União de Tomar, não escondeu a emoção durante a homenagem a Lino Freitas Foto: mediotejo.net

Num discurso emocionado, Abel Bento agradeceu a todos os presentes, acreditando que o emblema unionista vai mesmo ganhar a Taça do Ribatejo, a disputar com o Mação no próximo domingo e pediu força aos jogadores.

“O União de Tomar sempre teve o objetivo de conquistar a Taça do Ribatejo e este ano devido ao esforço e dedicação de todos – atletas e equipa técnica e também da direção –  vamos conseguir. Já foi decidido, na última reunião da direcção, um voto de louvor a toda a estrutura do futebol sénior por esse objetivo (de ir à final) conseguido”, anunciou, vaticinando um futuro risonho para o clube que conseguiu ultrapassar diversas dificuldades de ordem financeira.

Durante a noite foram prestadas diversas homenagens a atletas, dos vários escalões, intercalados com os discursos dos convidados presentes. Leonel Vicente, presidente da Assembleia Geral referiu a história deste clube centenário, sendo que, pela quarta vez consecutiva, se posicionou num lugar de pódio no Campeonato da I Divisão Distrital”, atestou, recordando que nos últimos dez anos é a sexta vez que a equipa sénior obtém um lugar de honra entre os quatro primeiros lugares do campeonato.

“Não tendo sido ainda possível o regresso aos campeonatos nacionais, a persistência de obtenção dos lugares cimeiros faz-nos acreditar que é uma questão de tempo”, disse, enaltecendo que independentemente disto esta é já uma época histórica devido ao apuramento para a final da Taça Ribatejo. O União de Tomar, recorde-se, terminou a época no 2º lugar da 1ª dicisão distrital, apenas atrás do Mação, equipa que vai defrontar este domingo.

Leonel Vicente destacou os feitos alcançados pelo emblema do União de Tomar Foto: mediotejo.net

Francisco Jerónimo, presidente da Associação de Futebol de Santarém, disse que o União de Tomar está a voltar ao que era. “Num percurso que se verifica sustentado, vai caminhando a um lugar a que já nos habituou no futebol distrital. Não quero deixar de assinalar o facto de na próxima semana marcar mais um ponto na sua história com a participação na Taça do Ribatejo, sendo um dos candidatos a vencer a prova”, disse.

Vereador Hugo Cristóvão anunciou a substituição do campo relvado da Nabância e um novo sintético no Politecnico Foto: mediotejo.net

O vice-presidente da Câmara de Tomar, Hugo  Cristóvão garantiu que a autarquia vai continuar a apoiar o clube dentro da lógica de apoio ao desporto e associativismo, pretendendo ainda substituir o sintético na Nabância.

“Queremos melhorar, dentro do possível, as condições para as várias modalidades e no caso do União de Tomar o atletismo está de parabéns pelos resultados alcançados e pelo número de praticantes e ao nível do futebol estamos a trabalhar para, neste verão, substituirmos o sintético da Nabância e termos um novo campo relvado sintético no Politécnico para que a capacidade para os atletas possa duplicar”, revelou.

Hugo Cristóvão disse ainda que a intenção da autarquia passa por continuar a apetrechar a cidade e o concelho de mais e melhores equipamentos para a prática de desporto. “104 anos de grande história. Vamos continuar a dignificar o nosso concelho e de amanha a uma semana lá estarei para ver o União a trazer a Taça do Ribatejo para Tomar”, disse, referindo-se à final de domingo, dia 13 de maio, a disputar na campo do Bonito, no Entroncamento.

Elsa Ribeiro Gonçalves

Aos 12 anos já queria ser jornalista e todo o seu percurso académico foi percorrido com esse objetivo no horizonte. Licenciada em Jornalismo, exerce desde 2005, sempre no jornalismo de proximidade. Mãe de uma menina, assume que tem nas viagens a sua grande paixão. Gosta de aventura e de superar um bom desafio. Em maio de 2018, lançou o seu primeiro livro de ficção intitulado "Singularidades de uma mulher de 40", que marca a sua estreia na escrita literária, sob a chancela da Origami Livros.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.