Nuno Serra recandidata-se à liderança da distrital de Santarém do PSD

Sob o mote “21 Concelhos, a mesma Ambição”, o atual líder distrital de Santarém do PSD, o deputado Nuno Serra, recandidata-se à liderança da estrutura política do Partido Social Democrata para um último mandato de dois anos. As eleições para a distrital do PSD decorrem no dia 5 de maio. O mediotejo.net falou com Nuno Serra sobre as razões desta recandidatura. (ver vídeo)

Nuno Serra havia anunciou no dia 5 de março, na Assembleia Distrital do PSD, que reuniu em Mação, a sua recandidatura à liderança da estrutura política do Partido Social Democrata para um último mandato de dois anos. Num comunicado enviado à Comunicação Social, o PSD sublinha que “o mandato de Nuno Serra fica marcado pelo aumento de número de câmaras lideradas pelo PSD, que veio acrescentar Ourém às autarquias de Rio Maior, Mação, Sardoal, Ferreira de Zêzere e Santarém”.

Os social-democratas referiram, na ocasião, que “a proximidade aos 21 concelhos foi sempre o mote da liderança de Nuno Serra que privilegiou na sua liderança a melhoria da qualidade dos serviços de saúde, os problemas ambientais, a aposta no tecido económico empresarial e na fileira agroalimentar, a melhoria das infraestruturas e acessibilidades e o reconhecimento do terceiro setor como parceiro decisivo do combate às desigualdades”.

Para este novo mandato, Nuno Serra anunciou que muitas destas prioridades se manterão “já que muitos dos problemas ainda não estão resolvidos e merecem o nosso maior empenho”.

Nesta fase do PSD, com a liderança de Rui Rio, Nuno Serra assume como missão “garantir a unidade necessária e o empenho para que o PSD possa voltar a ser governo, o mais rapidamente possível, um objetivo que continuará a contar com o apoio do PSD no distrito de Santarém, com uma oposição séria e construtiva ao governo de esquerda e visando dar a vitória ao PSD nas próximas eleições legislativas.”

Nuno Serra destacou ainda a necessidade de começar “já a preparar as próximas eleições autárquicas, para aumentar ainda mais o número de mandatos autárquicos do PSD, pois autárquicas não se ganham na véspera de eleições”.

As eleições decorrem dia 5 de maio. Concorrem à distrital de Santarém do PSD Nuno Serra e João Moura.

Mário Rui Fonseca

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.