Foto: DR

Uma frente de fogo mantêm-se ativa esta amanhã em Abrantes, no incêndio que deflagrou na tarde de quarta-feira em Aldeia do Mato, estando já seis meios aéreos a apoiar os cerca de 700 bombeiros no terreno.

Em declarações à Lusa, cerca das 9:00, a presidente da Câmara de Abrantes disse que durante a noite “não se registaram incidentes com pessoas ou habitações”, e as condições atmosféricas, como “a baixa das temperaturas, a redução do vento e a o aumento da humidade, permitiu realizar muito trabalho com resultados”, estando o fogo a começar a ceder aos meios no terreno.

”A frente ativa está na zona da Pucariça, freguesia de Rio de Moinhos, mas a zona está controlada, embora com alguns reacendimentos, e muito trabalho de rescaldo e consolidação já está a ser feito. Resta aguardar para perceber como decorrem as próximas horas”, disse Maria do Céu Albuquerque.

De acordo com a página da Autoridade Nacional da Proteção Civil (ANPC), às 9:00, dois meios aéreos pesados estavam a operar no terreno, tendo a presidente da Câmara de Abrantes afirmado à Lusa contar com um total de “5 aviões e 1 helicóptero” para o combate esta manhã. Às 10:00, segundo a página da ANPC, já estavam os seis meios aéreos a operar em Abrantes.

O incêndio, que deflagrou às 18:14 de quarta-feira em Aldeia do Mato, União de Freguesias de Aldeia do Mato e Souto, no concelho de Abrantes, mobilizava por volta das 09:00, um total de 732 operacionais, apoiados por 239 viaturas e 2 meios aéreos pesados.

No decurso deste incêndio, uma habitação ardeu totalmente, tendo a família de cinco pessoas sido “já realojada na casa paroquial”, acrescentou.

Seis aldeias foram evacuadas parcialmente, tendo cerca de 50 pessoas sido transferidas para locais mais seguros, entre elas, cerca de 25 para o Regimento de Apoio Militar de Emergência” (RAME), no Quartel Militar de Abrantes.

O incêndio que lavra na zona de Abrantes, no distrito de Santarém, desde quarta-feira, levou ao corte da Autoestrada da Beira Interior (A23) em ambos os sentidos, mas a circulação foi restabelecida às 23:05.

Em Abrantes, segundo a página da ANPC, estão cortadas ao trânsito diversas vias, nomeadamente a Estrada Nacional (EN) 3, a EN 358, a Estrada Municipal (EM) 544, e a EM 1212-1.

Agência Lusa

Agência de Notícias de Portugal

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.