Em Tramagal, no campo de jogos Comendador Eduardo Duarte Ferreira, João Condeixa marcou o único golo da partida, levando o TSU à vitória perante o Rio Maior. Com três jornadas realizadas para o Apuramento de Campeão da 2º Divisão Distrital de Santarém, o TSU soma 4 pontos, e afirma-se como candidato à subida à primeira divisão distrital.

O Comendador Eduardo Duarte Ferreira foi mais uma vez palco da festa do futebol, e a equipa orientada por Rui Horta recebeu e venceu o Rio Maior SC, a exemplo do que sucedeu na primeira fase. Os dois conjuntos vieram para esta partida com resultados bastante diferentes: o TSU tinha empatado no reduto do Glória do Ribatejo enquanto o Rio Maior havia goleado em casa a formação do Atalaiense (4-1).

O Tramagal precisava de ganhar pontos para não deixar fugir os seus adversários e continuar a luta pela subida à 1ª Divisão, sendo este jogo encarado com muita importância para o conjunto da vila metalúrgica.

Com o céu encoberto e com o relvado sintético em grandes condições, assistiu-se um jogo de grande intensidade com boas oportunidades de golo. O Tramagal apresentou uma equipa bastante diferente do que tem sido ao longo da temporada, e Rui Horta teve mesmo de convocar jogadores da formação a várias lesões, tendo apresentado um 4x3x3 na formação base. O Rio Maior, por sua vez, não fez qualquer alteração em relação ao seu último jogo.

Foto: mediotejo.net

Tramagal SU mais atrevido

O ambiente era de festa, com as claques sempre bem animadas. Os primeiros 45 minutos a equipa da casa conseguiu praticamente dominar o seu adversário, conseguindo ter mais posse de bola e a sua construção defensiva permitiu anular os lances ofensivos do adversário.

A primeira oportunidade do jogo até foi do Rio Maior através de uma situação de bola parada mas Francisco Ferreira estava atento ao cabeceamento fácil do ponta-de-lança, André Sousa.
O Tramagal tentava procurar alguma velocidade pelos corredores, mas não criava lances de grande perigo para a baliza do guardião guineense, Sana Cande.

O jogo parecia que estava muito equilibrado e que as duas equipas tinham alguma dificuldade na hora de finalizar quando ao minuto 16, o defesa central João Condeixa coloca o esférico pela primeira vez dentro da baliza.

O capitão Gonçalo Fernandes coloca a bola na pequena área, através de um livre sobre a direita, e Sana Cande realiza uma defesa incompleta, onde aparece o central do Tramagal na pequena área para finalizar e colocar a sua equipa na frente do marcador.

Foto: mediotejo.net

Com o resultado a favor dos pupilos de Rui Horta, a equipa pode respirar e controlou quase toda a primeira parte. O Rio Maior cometia os mesmos erros ofensivos, havendo uma falta de conexão sobre os homens mais avançados do terreno, contudo persistiam em lances de bola parada mas a falta de finalização não ajudou na alteração do marcador.

No minuto 30, Gonçalo Fernandes teve tudo para fazer o 2-0. Velocidade não faltou ao capitão do Tramagal sobre o corredor esquerdo, ultrapassando vários adversários, mas na hora de fazer o golo rematou ligeiramente ao lado do poste esquerdo.

Logo a seguir, a resposta do Rio Maior. Luís Barbosa de fora-de-área rematou forte mas à figura do guarda-redes do Tramagal, anulando o que poderia ser o empate mesmo no final do primeiro tempo. Antes de ir para o regresso aos balneários, Henrique Graça ainda vê o cartão amarelo.

Foto: mediotejo.net

Uma primeira parte praticamente de sentido único, com o Tramagal à frente do marcador e a controlar o jogo. O Rio Maior por seu lado, a demonstrar muitas dificuldades na sua construção ofensiva e realizando alguns erros defensivos.

Rio Maior tornou-se “Maior” mas sem finalização

No regresso ao relvado, ambos os técnicos realizaram uma substituição, no caso do Rio Maior, o ponta-de-lança Alexandre Ferreira entrou para o lugar de Gui Menezes, permitindo assim jogar num 4x4x2 para conseguir mudar o rumo aos acontecimentos. No Tramagal, João António substituiu Garcia, este último pertence ao escalão dos juniores e que realizou uma excelente partida.

O camisola 7, Pisco, foi um jogador incansável em todo o jogo e que teve nos seus pés a oportunidade de sentir o “sabor do golo”, numa jogada pelo corredor esquerdo. João António coloca a bola nos pés de Pisco na pequena área e este remata para mais uma defesa incompleta de Sana. Na recarga, o avançado do TSU remata “torto” e a defesa do Rio Maior consegue desfazer a jogada ofensiva do Tramagal.

Mas o jogo mudou de feição, com o Rio Maior a colocar mais homens na frente, permitindo assim exercer mais pressão sobre as linhas defensivas do Tramagal, que recuaram, cedendo a posse de bola mas mantendo o controlo do jogo.

foto: mediotejo.net

Para refrescar e ajudar a nível defensivo, o Tramagal retirou o ponta-de-lança Calado e colocou Catarino.

Os visitantes ainda viram o esférico a passar junto ao poste esquerdo num remate rasteiro de Gonçalo Martins, passando o perigo para as redes defendidas de Francisco Ferreira.
João Condeixa, o único marcador do jogo, ainda viu Hélder Carvalho a exibir um cartão amarelo, por falta “dura” sobre o adversário.

O árbitro ainda deu 5 minutos de compensação e o Rio Maior tentava chegar ao golo, mas a falta de finalização não ajudou aos intentos do conjunto forasteiro. O Tramagal, por sua vez, começara a jogar no contra-ataque e a apostar em explorar os erros defensivos do adversário, e foi essa estratégia que poderia acabar com todas as esperanças do Rio Maior.

Numa jogada de contra-ataque, três para três, João António coloca o esférico por cima do travessão, depois de um remate de fora-de-área, não aproveitando a ocasião para pôr o Tramagal mais confortável no jogo.

Foto: mediotejo.net

Hélder Carvalho deu então o apito final, marcando assim a vitória do Tramagal Sport União por (1-0), garantindo a primeira vitória desta fase, enquanto o Rio Maior somou a primeira derrota.

Já com três jornadas realizadas, a competição está a ser bem disputada, pois são quatro equipas com o total de quatro pontos conquistados na tabela classificativa. O União de Santarém é neste momento a equipa de destaque com três vitórias seguidas. Tramagal, Marinhais, Glória e Rio Maior dividem os mesmos pontos (4), enquanto o Atalaiense não conseguiu qualquer vitória nesta fase de Apuramento de Campeão.

Na quarta jornada o Tramagal visita o Atalaiense enquanto o Rio Maior recebe o primeiro classificado, União de Santarém.

Foto: mediotejo.net

Equipas iniciais:

Tramagal Sport União: Francisco Ferreira, Rui Matos, Condeixa, Tonicha, China, Gonçalo Fernandes, Bento, Pisco, Garcia(João António), Nalha, Calado (Catarino)

Suplentes não utilizados: Jaime, Artur, Monteirinho, Barata, Bardé

Treinador: Rui Horta

Rio Maior SC: Sana, Miguel Filipe, Tomás, Jorge Gonçalves, Rafael, João Abreu, Carlos Dimas, Gui Menezes (Alexandre Ferreira), Henrique Graça, Luis Barbosa (Gonçalo Martins), André Sousa

Suplentes não utilizados: Girôto, Fábio Gomes, Miguel Menezes, Lima, Hugo.

Treinador: Tiago Pedro

Equipa de Arbitragem: Rafael Escudeiro, Rui Ferreira, Hélder Carvalho

Entrevista com os treinadores:

Rui Horta

Tiago Pedro

Tiago Soares

É no futebol que Tiago Soares exprime todas as suas emoções e paixão pelo desporto-rei, vertente cujos estudos teóricos aprofunda na ESTA. Aos 24 anos, assume a ambição de abraçar uma carreira profissional no jornalismo desportivo, transcrevendo no mediotejo.net as histórias e alegrias que o desporto abraça.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.