Um homem de 27 anos vai aguardar julgamento na prisão depois de ter sido detido por suspeita de furtos com recurso a arrombamento e/ou escalamento em residências, num estabelecimento comercial, numa instituição e numa viatura, ocorridos no Entroncamento.

Em comunicado, o Ministério Público afirma que a medida de coação de prisão preventiva foi aplicada na passada sexta-feira, após primeiro interrogatório judicial, sendo o homem suspeito da prática de seis crimes contra o património, designadamente de furto qualificado.

Os factos ocorreram no Entroncamento, entre 17 de junho e 24 de outubro de últimos, acrescenta a nota.

Agência Lusa

Agência de Notícias de Portugal

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.