Sociedade Filarmónica União Maçaense. Foto: SFUM

O concerto contará com a participação de várias secções da SFUM, desde a Funfarra, Escola de Música, Grupo Coral e Banda Filarmónica. Contará ainda com a presença da cantora e fadista Carolina Siborro, voz que tem acompanhado a SFUM nos últimos anos em parceria.

Esta coletividade centenária faz parte da história do concelho, tendo sido fundada em 1862 por um grupo de maçaenses, então conhecida como Banda de Música. Ali os instrumentos eram adquiridos por subscrição pública. A 8 de janeiro de 1906 teve alvará do Governo Civil de Santarém como “Sociedade União Maçaense”. Até ao ano de 1920 era hábito dar um concerto por semana na Vila de Mação.

Banda Filarmónica da SFUM nos anos 70/80 em peditório no Vale das Árvores. Foto: Abílio Branco

A SFUM é presença assídua na vida cultural e religiosa do concelho, participando e acompanhando arraiais, cerimónias religiosas e festas populares, participando também em concursos e encontros de bandas.

“A formação musical e a divulgação da cultura musical são um dos grandes propósitos da SFUM, tendo quase sempre em funcionamento uma escola de música, constituída maioritariamente por jovens alunos. Ao longo da sua história teve sempre um importante papel na formação e desenvolvimento pessoal de várias gerações”, realça a direção da coletividade em nota enviada à imprensa.

Da sua longa vida e currículo, surgem momentos de maior e mais diversa atividade onde até se atesta a existência de um rancho folclórico e de uma equipa de tiro aos pratos afeta à SFUM.

SFUM – Mação. Atuação no Largo dos Combatentes, no dia da inauguração das obras de requalificação, em 2021. Foto: DR

Consta também que existiu uma orquestra ligeira e de variedades, criada à semelhança de outras secções no final dos anos 80 do século XX foram criadas várias secções, e as atuações regulares desses grupos sucederam até início dos anos 90.

A Sociedade Filarmónica União Maçaense promove regularmente, pelo menos desde 1998, um ciclo de Encontros de Bandas Civis em Mação, numa iniciativa que se realiza anualmente no segundo domingo de setembro, com o apoio da Câmara Municipal de Mação. Em 2022, dentro das comemorações dos 140 anos da coletividade e integrando os 140 anos do nascimento de Francisco Serrano, membro ativo e Maestro da Banda, foi colocada uma placa de homenagem na casa onde nasceu o “ilustre maçaense”.

Em 2012 a Banda celebrou 150 anos de existência, tendo organizado e efetuado várias atividades para celebrar esse marco, que terminou com o lançamento do livro intitulado “Viagem à Roda da Banda de Mação”, com recolha de informação e autoria de Carlos Gueifão.

Hino da Sociedade Filarmónica União Maçaense, da autoria de Francelino Lopes Pereira

A SFUM passou por uma reestruturação no que toca à escola de música, em 2018, com a criação de um regulamento interno e assinatura de protocolo de parceria com a Firmação / Canto Firme, de Tomar.

Em 2020 foi assinado um protocolo de colaboração com a Câmara Municipal de Mação de forma a reforçar a sua escola de música. “Procurou-se estruturar e reforçar a escola autónoma e simultaneamente proporcionar aos potenciais interessados o ensino de música oficial ministrado pelo conservatório da Canto Firme”, refere a direção da coletividade.

Todos os anos, em fevereiro, realiza-se a tradicional festa do Senhor das Encruzilhadas (patrono da SFUM), e decorrem as habituais cerimónias religiosas, almoço convívio e, desde 2018, um concerto comemorativo de aniversário da associação com a participação das várias secções musicais a ela pertencentes, caso dos grupos de ensemble de metais, madeiras e percussão, e outros. As secções criadas têm por objetivo “diversificar a oferta musical e motivar músicos e alunos”.

Foto: DR

Desde 2018 que, para além da banda filarmónica, a SFUM conta com uma fanfarra em atividade regular – a Funfarra – e um grupo coral.

Entre os grandes feitos do currículo da SFUM consta também o intercâmbio realizado em 2018 com a Sociedade Filarmónica União e Progresso Madalense (da vila de Madalena, ilha do Pico, Açores), que incluiu várias atividades conjuntas. Este intercâmbio foi interrompido devido à pandemia de COVID-19.

O contexto pandémico tem desafiado o dia-a-dia da coeltividade, que tem lutado para se manter à tona, apostando na concretização de novos desafios e projetos apesar dos constrangimentos que se foram impondo desde 2020. Foi dinamizado o projeto descentralizado “Há Banda na Aldeia”, que foi percorrendo as localidades do concelho levando música da SFUM às comunidades, e também a iniciativa “Música e Monumentos”, um concerto com apoio do Fundo de Fomento Cultural.

Sociedade Filarmónica União Maçaense. Foto: SFUM

Tempo também para investir nas parcerias musicais, destacando-se nos últimos anos as colaborações com
o Orfeão de Águeda e as cantoras e fadistas Francisca Correia e Carolina Siborro.

Apesar da pandemia, e tendo em vista o assinalar dos 160 anos de existência, foi criada uma comissão organizadora das comemorações do aniversário, prevendo diversos eventos ao longo de 2022, tendo arrancado com uma exposição sobre a vida e obra da SFUM, recuando no tempo e permitindo o acesso a memórias e histórias do passado desta importante coletividade.

Segue-se o concerto de aniversário, dia 1 de maio, no Cine-Teatro Municipal, onde se celebrará “mais de um século e meio de atividade, com dedicação, persistência e amor à Música”, sendo certo que a Sociedade Filarmónica União Maçaense comemora cento e sessenta anos de vida “traçada no tempo e na história do concelho de Mação”.

Joana Rita Santos

Formada em Jornalismo, faz da vida uma compilação de pequenos prazeres, onde não falta a escrita, a leitura, a fotografia, a música. Viciada no verbo Ir, nada supera o gozo de partir à descoberta das terras, das gentes, dos trilhos e da natureza... também por isto continua a crer no jornalismo de proximidade. Já esteve mais longe de forrar as paredes de casa com estantes de livros. Não troca a paz da consciência tranquila e a gargalhada dos seus por nada deste mundo.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *