Associação de Serviços Técnicos para Eventos protesta em Lisboa por medidas urgentes. Foto: APSTE

A Associação Portuguesa de Serviços Técnicos para Eventos (APSTE) vai organizar um protesto esta terça-feira, no Terreiro do Paço, em Lisboa, que pretende sensibilizar o Governo para a necessidade de medidas urgentes para o setor.

O protesto vai decorrer entre as 20:00 e as 22:00 e consiste na colocação de “várias instalações compostas por ‘FlightCases’ [malas de porão], com as insígnias de cada empresa, criando assim uma ‘mancha’ visual e ocupando o perímetro da Praça do Comércio”, segundo comunicado da APSTE.

Nas fachadas do Terreiro do Paço serão ainda projetadas “imagens, vídeos e frases que refletem o estado de espírito do setor e que demonstram e sustentam o apagão económico que o mesmo está a sentir”.

Segundo um inquérito realizado pela APSTE, em maio, 60% das empresas do setor recorreram ao ‘lay-off’ e mais de metade (56%) “não têm liquidez para pagar os salários nos meses de agosto e setembro”.

A associação alerta que não é conhecida uma “posição concreta, por parte do Governo, quanto às medidas a adotar para mitigar os danos causados nesta indústria, que tem feito um elevado esforço financeiro para manter postos de trabalho e as respetivas estruturas”.

A APSTE junta-se assim a um movimento internacional do setor, intitulado “Light It In Red” (“Ilumina-o em vermelho”, em tradução livre) que pretende chamar a atenção dos governos para as dificuldades que atravessa.

Agência Lusa

Agência de Notícias de Portugal

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.