Homenagem simples mas muito sentida a todos os profissionais de saúde do CHMT decorreu no hospital de Abrantes, a 1 de maio de 2020. Fotografia: CMA

O Corpo de Bombeiros de Abrantes, a que se juntou a autarquia, forças de segurança, juntas de freguesia do concelho, Cruz Vermelha e outras instituições, prestou esta quinta-feira uma homenagem a todos os profissionais de saúde, particularmente aos que estão no Hospital de Abrantes, com o objetivo de agradecer e demonstrar o reconhecimento pelo esforço e dedicação no trabalho que tem desenvolvido para o bem de todos. O momento foi transmitido em direto pelo mediotejo.net e demonstra o sentido de união e reconhecimento do trabalho de todos num momento particularmente difícil que a sociedade está a viver.

O emotivo momento durou cerca de 15 minutos, tempo suficiente para se fazer ouvir o hino nacional, seguido de um breve intervenção do presidente da Câmara, em nome de todos os abrantinos e das instituições presentes. Sempre com aplausos, muitos aplausos. Dirigidos essencialmente aos profissionais de saúde, que se juntaram à porta da entrada das Urgências, mas que foram muito mais além.

Os aplausos chegaram aos ouvidos dos doentes internados, e deram-lhes novo ânimo. Os aplausos de autarcas, agentes da PSP, bombeiros, da proteção civil e da GNR, chegaram aos quartéis destes profissionais de segurança e de socorro mas também a casa das suas famílias. E dos vizinhos. E a eles próprios e aos seus camaradas. Os aplausos foram de todos para todos. Até os aplausos sentidos dos profissionais de saúde, pelo reconhecimento e pelo gesto de união, amizade e reconhecimento.

Forças de segurança prestaram hoje homenagem aos profissionais de saúde em Abrantes. Foto: CMA

“Vamos sair todos mais unidos e mais fortes depois desta guerra”, reconheceu Carlos Andrade Costa, presidente do Conselho de Administração do Centro Hospitalar do Médio Tejo, tendo alertado, no entanto, que a batalha ainda não acabou.

O Presidente da Câmara, Manuel Jorge Valamatos, associou-se à iniciativa e no uso da palavra começou por agradecer à Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Abrantes por esta homenagem, sublinhando o seu reconhecimento “a todos aqui homenageados e, neste momento em particular, aos profissionais de saúde, pelo seu trabalho meritório”.

Bombeiros, autarquia de Abrantes, GNR e PSP prestaram homenagem aos profissionais de saúde no hospital da cidade. Foto: CMA

“É por estes atos que Abrantes resulta de uma união como a que aqui assistimos hoje”, deixando o presidente da autarquia a sua disponibilidade para que “contem sempre connosco”.

Mário Rui Fonseca

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

Entre na conversa

1 Comentário

  1. E uma GRANDE PALAVRA de apreço, para todos os profissionais de saúde, nomeadamente da Obstetrícia e Ortopedia que, foram deslocados para a Unidade de Torres
    Novas e Tomar, respectivamente, tendo em vista, deixar o Hospital de Abrantes livre para o CV19. Sacrificaram as suas vidas pessoais e familiares.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *